.

Internada – Marina Queiroz, sobrevivente de acidente na BR-104, permanece em estado delicado

Família e amigos clamam por justiça.
Marina teve sua vida cotidiana interrompida pelo grave acidente que matou três pessoas - Foto: Facebook/Reprodução
Três mortos, três famílias destroçadas. O cenário pós-acidente ocorrido no último dia 19 deste mês ainda causa dor e preocupação aos familiares das vítimas. Além dos que se foram; Nelson Ferreira Coelho, de 69 anos, Lara Tereza Casé Coelho, de 18 anos, e Suzana dos Santos Barbosa, de 24 anos, outra jovem permanece lutando bravamente pela vida.

A jovem Marina Queiroz, que permanece internada em uma unidade hospitalar de Caruaru, sofreu diversas fraturas, dentre elas no fêmur, braços e várias delas nos ossos da face. Há dias numa UTI, o silêncio de Marina tem sido interrompido pelo clamor popular de justiça e investigação contundente para com o caso.

Amigos e familiares cobram através das redes sociais e dos meios de imprensa que o caso seja investigado e o possível causador do mesmo seja responsabilizado. Para os mesmos, houve imprudência por parte do médico que dirigia o automóvel modelo TrailBlazer.

Outro caso

Pedro Assis, residente em Taquaritinga do Norte, mesma cidade onde também residiam as vítimas fatais, incluindo a sua esposa por nome de Suzana dos Santos Barbosa, também se recupera do acidente e do trauma. Em recente publicação em uma rede social, Pedro demonstrou grande sofrimento pela saudade da companheira.


Comentários pelo Facebook
0 Comentários pelo Blog

Ao escrever seu comentário, certifique-se que o mesmo não possui palavras ofensivas (palavrões), calúnia e difamação contra ninguém, pois, caso haja, ele poderá ser banido por nossos moderadores, desejando manter a ordem e respeito a usuários e terceiros citados nas publicações.

Para mais informações consulte as nossas Políticas de Uso