.

Coronavírus afeta processo de confecção em Santa Cruz do Capibaribe

Muitas regiões do Brasil sobrevivem de produções muito específicas. No Agreste de Pernambuco, o por exemplo, o forte é o mercado têxtil.
Foto: Bruno Muniz (Agreg Imagem)
Cidades como Santa Cruz do Capibaribe, Caruaru e Toritama estão no epicentro da demanda por produtos têxteis, isso significa dizer que quando o mercado de exportação é afetado, as mesmas sofrem tanto quanto outros polos industriais.

Os primeiros afetados em cidades como Santa Cruz do Capibaribe são os comerciantes que importam tecidos específicos, sobretudo os produzidos na China, região mais afetada pelo Novo Coronavírus.

Além da interrupção nas exportações chinesas, a alta do dólar e a escassez dos produtos já em território brasileiro dificulta a vida dos produtores de confecção. Um outro fator é a busca desenfreada por parte de alguns empresários que visam garantir estoque para enfrentar o período difícil.

Um outro fator é que os próprios consumidores, das mais diversas regiões do país, acabam evitando as viagens para polos confeccionistas. Ou seja, o coronavírus atinge indiretamente compradores e vendedores.

O governo tem adotado medidas para evitar o impacto massivo da crise gerada pelo coronavírus, porém uma série de fatores devem influenciar e contribuir para o aumento ou diminuição da crise já instalada. Dentre eles, a visão da sociedade em geral perante uma possível taxa de mortalidade gerada pelo vírus em questão.

Aumento

O Blog do Bruno Muniz apurou, nesta segunda-feira (09), que alguns tecidos importados já estão com valores significativamente acima do que era possível encontrar há pouco mais de uma semana, dentre eles o neoprene.



Comentários pelo Facebook
0 Comentários pelo Blog

Ao escrever seu comentário, certifique-se que o mesmo não possui palavras ofensivas (palavrões), calúnia e difamação contra ninguém, pois, caso haja, ele poderá ser banido por nossos moderadores, desejando manter a ordem e respeito a usuários e terceiros citados nas publicações.

Para mais informações consulte as nossas Políticas de Uso