.

Dois conselheiros tutelares e suplentes terão que prestar esclarecimentos à justiça

Santa Cruz do Capibaribe – Os conselheiros tutelares Marília Melo e Edimauro Torres, eleitos no último mês de outubro, terão que prestar explicações de suas respectivas eleições após um questionamento do Ministério Público de Pernambuco (MPPE).
Imagem Ilustrativa
De acordo com o órgão através do promotor Lúcio Cabral, os dois conselheiros e outros seis suplentes teriam publicado, durante a campanha, imagens nas redes sociais acompanhados de políticos e líderes religiosos.

A denúncia deve ser apresenta à justiça já nos próximos dias. Os suplentes Rogério Félix, Eliane Sousa, Renê Atleta, Laércio Glicério e Inácia Sousa também serão incluídos nos autos para prestar esclarecimentos sobre suas respectivas condutas nas redes sociais.



Comentários pelo Facebook
0 Comentários pelo Blog

Ao escrever seu comentário, certifique-se que o mesmo não possui palavras ofensivas (palavrões), calúnia e difamação contra ninguém, pois, caso haja, ele poderá ser banido por nossos moderadores, desejando manter a ordem e respeito a usuários e terceiros citados nas publicações.

Para mais informações consulte as nossas Políticas de Uso