.

Pré-candidatos ao Conselho Tutelar realizam curso e 31 são aprovados em Santa Cruz do Capibaribe

Dentre as etapas para os nomes que pleiteiam as vagas para o Conselho Tutelar de Santa Cruz do Capibaribe, a mais recente foi concluída, um curso preparatório entre os 37 inscritos que pretendiam disputar as dez vagas (cinco titulares e cinco suplentes).
Foto: Divulgação
O presidente do COMDECA, Kleiton Ferreira, falou sobre a importância do curso para a continuidade do processo. 
"Os pré-candidatos compreendem a importância de todas as etapas até a eleição e o curso preparatório serviu para atualizar a respeito da legislação vigente e de direitos das crianças e dos adolescentes e para uma noção teórica de parte das ações que serão desempenhadas pelos conselheiros eleitos, em tempo, quero parabenizar os que conseguiram concluir o curso e desejar boa sorte em futuras oportunidades aos que não conseguiram a conclusão", afirmou Kleiton.
Ao todo, 31 pré-candidatos conseguiram concluir o curso e seguem nas etapas de preparação até a eleição.

Confira a lista dos aprovados:

Arijaldo Augusto de Siqueira
Edimauro Alves Torres
Eduardo Bezerra de Lima Tavares
Edson Ferreira Queiroz
Eliane Soares de Sousa
Eliel Antônio da Silva
Everton de Marães Barbosa
Fabiana Arruda Soares
Fabíola Araújo Feitosa
Flávio Oliveira Dos Santos Júnior
Fernando Pereira de Sousa
Francieldo Ferreira de Melo
Inácia Valéria da Conceição Sousa
José Soares Correia
José Xavier de Siqueira
Josimere Soares de Moura
Josinete Nicácio dos Santos
Juliana Feitosa da Silva
Laércio Glicério da Silva Filho
Leandro da Silva Ferreira
Luciano Augusto da Costa
Marília Gabriela Silva Costa
Marivaldo Zuza de Andrade 
Monike Nunes de Lira
Osiel Silva Porfírio
Renato Luiz
Renê Romualdo Cunha
Rogério Félix de Castro
Rozeylton Washington Aleixo Santos
Valdemir Miranda Pereira
Zenilda Maria de Araújo 

Conteúdo da Assessoria



Comentários pelo Facebook
0 Comentários pelo Blog

Ao escrever seu comentário, certifique-se que o mesmo não possui palavras ofensivas (palavrões), calúnia e difamação contra ninguém, pois, caso haja, ele poderá ser banido por nossos moderadores, desejando manter a ordem e respeito a usuários e terceiros citados nas publicações.

Para mais informações consulte as nossas Políticas de Uso