.

Após inclusão de emenda dos vereadores, suplementação é aprovada por ampla maioria na Câmara de Santa Cruz

Remanejamento no orçamento garantirá o funcionamento da Saúde Pública sem prejudicar outras áreas.
Foto: ASCOM
A Câmara de Vereadores de Santa Cruz do Capibaribe aprovou, por maioria absoluta, o Projeto de Lei 010/2019 que tratava do pedido de abertura de crédito suplementar pela Prefeitura Municipal. A matéria que havia sido rejeitada no  dia 30 de junho, foi reapreciada pelo plenário nessa quinta-feira (15) e em comum acordo, com a apresentação de emenda modificativa, o projeto foi aprovado por 14 votos favoráveis e 1 contrário.
Foto: ASCOM
A Emenda 12/2019, apresentada pelo presidente da Câmara, Augusto Maia (PODE), evitou que recursos para compra de transporte escolar e construção de creches, por exemplo, fossem alocados para outras áreas. 

O crédito suplementar no valor de R$ 6.485.000,00 garantirá o funcionamento de diversos serviços no município, principalmente na área da Saúde Pública.

Na mesma sessão, os vereadores comemoram a aprovação do projeto.
Foto: ASCOM
"O presidente Augusto, em todo momento se manteve aberto e disposto ao diálogo com a prefeitura. Augusto foi o grande condutor de tudo que a gente viveu aqui hoje com a aprovação desse projeto. Ele tem a grande virtude de saber ouvir”, disse o vereador Junior Gomes (PSB), presidente da Comissão de Finanças e Orçamento.
A líder do Governo Municipal na Câmara, Jéssyca Cavalcanti (PTC) falou da importância do diálogo para a aprovação da matéria.
Foto: ASCOM
"Hoje a gente conseguiu concessões mútuas, porque o diálogo ele é entre dois. A flexibilidade tem que ser entre ambas as partes. Em nenhum momento o governo se negou a dialogar. Em algum momento perdeu-se o tom, mas hoje foi restabelecido", ressaltou Jéssyca.
O presidente da Câmara, Augusto Maia destacou a importância da Casa de Lei na discussão orçamentária.
Foto: ASCOM
“Tudo isso passa pelo que a gente vem falando sobre diálogo, sobre conversar. Mostramos que o Poder Legislativo  não quer prejudicar Santa Cruz do Capibaribe. Hoje tivemos a maior prova disso. Vimos a importância dessa discussão continuar na Câmara. Quem venceu foi o povo de Santa Cruz".

Comentários pelo Facebook
0 Comentários pelo Blog

Ao escrever seu comentário, certifique-se que o mesmo não possui palavras ofensivas (palavrões), calúnia e difamação contra ninguém, pois, caso haja, ele poderá ser banido por nossos moderadores, desejando manter a ordem e respeito a usuários e terceiros citados nas publicações.

Para mais informações consulte as nossas Políticas de Uso