.

Diogo Moraes defende permanência de Felipe Carreras no PSB

Partido estuda expulsar parlamentar devido a voto favorável na Reforma da Previdência.
Foto: Alepe
Neste domingo (14), o deputado estadual Diogo Moraes (PSB) publicou um texto nas redes sociais onde defende a permanência do deputado federal Felipe Carreras no Partido Socialista Brasileiro. O partido estuda a possibilidade de expulsar o parlamentar após o mesmo ter votado favorável ao texto da Reforma da Previdência.

Ideologicamente contrário à Reforma, o PSB tem se movimentado em todo o país em relação aos deputados que descumpriram a recomendação de serem contrários durante a votação. Felipe Carreras publicou após a votação uma imagem ilustrativa de um arqueiro com a seguinte descrição:
"Há três coisas na vida que nunca voltam atrás: a flecha lançada, a palavra pronunciada e a oportunidade perdida."
O deputado Diogo Moraes reforçou ser contrário à Reforma da Previdência, mas sustentou que defende a importância de Felipe no partido levando em consideração a sua história e contribuições para a sigla.
"Apesar do meu posicionamento contrário à Reforma da Previdência, como tenho falado há meses, defendo que o caso do amigo e deputado federal Felipe Carreras, com quem tive a responsabilidade de fazer parcerias exitosas na cidade do Recife, seja melhor avaliado. O PSB não pode perder um quadro histórico e importante como Felipe por uma votação. É preciso considerar toda sua história de lealdade e serviços prestados ao partido e, sobretudo, ao povo pernambucano. Neste contexto, vale lembrar que divergências sobre temas importantes como a Reforma fazem parte da democracia. Como socialista, acredito que deve-se buscar diálogo e equilíbrio sobre este tema", escreveu Diogo.

Comentários pelo Facebook
0 Comentários pelo Blog

Ao escrever seu comentário, certifique-se que o mesmo não possui palavras ofensivas (palavrões), calúnia e difamação contra ninguém, pois, caso haja, ele poderá ser banido por nossos moderadores, desejando manter a ordem e respeito a usuários e terceiros citados nas publicações.

Para mais informações consulte as nossas Políticas de Uso