.

Prefeitura de Santa Cruz do Capibaribe e comerciantes renovam estrutura da Praça de Alimentação

Foto: Assessoria de Comunicação
A prefeitura de Santa Cruz do Capibaribe, por meio da Secretaria de Desenvolvimento Econômico e Agricultura, juntamente com os proprietários de quiosques da Praça de Alimentação, está realizando melhorias estruturais no local, no intuito de melhorar o trabalho dos comerciantes e o atendimento dos frequentadores.   

O prefeito Edson Vieira falou desse serviço de renovação da Praça de Alimentação.
“Estamos renovando a estrutura da Praça de Alimentação Seu Silva. A nossa contribuição é com a renovação da pintura de toda alameda e substituição de ferragens danificadas, os proprietários arcam com a cobertura em lonas dos quiosques”, pontuou.
“O nosso desejo é que estes reparos nos quiosques terminem o mais rápido possível, pois não queremos transtornos para comerciantes e nem para seus clientes. A nossa previsão de conclusão dos trabalhos é até o final desse mês”, contou Isac Aragão, secretário de Desenvolvimento Econômico e Agricultura.
A Praça de Alimentação Seu Silva, primeira alameda de alimentos da Capital da Moda, foi inaugurada em 29 de Dezembro de 2013, aniversário de emancipação política da cidade. Localizada na Avenida Bela Vista (às margens da PE-160), é um área que também proporciona lazer, com infraestrutura adequada para comercializar lanches com comodidade, higiene e dignidade.

Assegurados pela Lei Municipal nº 2274/2013, os comerciantes que possuíam barracas irregulares instaladas em calçadas, têm a concessão do direito real de uso do solo de uma área pertencente ao patrimônio público, onde foram erguidos 32 quiosques destinados apenas para comercialização de produtos alimentícios. A concessão tem o prazo de dez anos, sendo prorrogável por igual período.

Conteúdo da Assessoria


Comentários pelo Facebook
0 Comentários pelo Blog

Ao escrever seu comentário, certifique-se que o mesmo não possui palavras ofensivas (palavrões), calúnia e difamação contra ninguém, pois, caso haja, ele poderá ser banido por nossos moderadores, desejando manter a ordem e respeito a usuários e terceiros citados nas publicações.

Para mais informações consulte as nossas Políticas de Uso