.

Edital para Concurso da Polícia Militar de Pernambuco é lançado

No total, são 500 vagas para praças e 60 para oficiais da PMPE, além de 20 para oficiais do CBMPE.
Imagem meramente ilustrativa
A Secretaria de Defesa Social (SDS) lançou, nesta sexta-feira (08/06), dois editais de processos seletivos para reforçar os efetivos da Polícia Militar (PMPE) e do Corpo de Bombeiros (CBMPE). Ao todo, são 500 vagas para praças da PMPE, assim como 60 para oficiais da corporação. Outras 20 vagas são voltadas para os cargos de oficiais do CBMPE. As inscrições para os certames, que serão organizados pelo Instituto de Apoio à Fundação Universidade de Pernambuco (IAUPE), começam neste domingo (10/06).
“Reforçar os efetivos das forças de segurança tem sido uma prioridade da gestão. Desde 2015, já foram convocados mais de 5,8 mil profissionais, sendo 4,1 mil para a PMPE, 905 para a Polícia Civil, 439 para a Polícia Científica, além dos cerca de 300 bombeiros que se formam na próxima semana. Importante ressaltar que esse novo certame faz parte do nosso compromisso em realizar anualmente concurso para a Polícia Militar”, disse o governador Paulo Câmara, na manhã desta sexta-feira (08), durante a reunião do comitê gestor do Pacto Pela Vida, na Secretaria de Planejamento e Gestão do Estado.
Para concorrer às vagas, os interessados precisam preencher uma série de requisitos, como não possuir antecedentes criminais; ter entre 18 e 28 anos; ser habilitado para a condução de veículos automotores (no mínimo, categoria B); e possuir altura mínima de 1,65 metros para homens e 1,60 para mulheres. Em relação à formação, os candidatos que forem concorrer aos cargos de praças, precisam ter, no mínimo, ensino médio completo. Já para os cargos de oficiais, é exigido diploma de graduação em Direito para a PMPE e qualquer graduação para o Corpo de Bombeiros.

Os dois certames serão realizados em duas etapas, sendo a primeira composta por quatro fases organizadas pelo IAUPE e contará com exames de habilidade e conhecimento, aptidão física; exames médicos e avaliação psicológica. Já na segunda etapa, os classificados participarão de cursos de formações específicos.

AMPLIAÇÃO – Desde o início do Pacto pela Vida, no ano de 2007, um total de 18.677 profissionais foram convocados, mediante concurso, para integrar as forças de segurança pública do Estado. Ainda neste semestre, mais 500 agentes da Polícia Civil serão convocados para a realização do Curso de Formação.
"Esse novo efetivo para a PM vai ajudar a ampliar e fortalecer as unidades que estamos inaugurando este ano, a exemplo do 2° BIEsp, em Petrolina, e do 26° Batalhão, em Itapissuma, e dar mais musculatura a unidades localizadas em áreas estratégicas, onde precisamos combater a criminalidade e realizar ações preventivas. No caso dos bombeiros, estamos interiorizando serviços e investindo na presença de guarda-vidas em nossa orla", explica o secretário de Defesa Social, Antônio de Pádua.
Confira os pré-requisitos para a seleção:

Ser a nacionalidade brasileira, e no caso de nacionalidade portuguesa, estar amparado pelo estatuto de igualdade entre brasileiros e portugueses, com reconhecimento do gozo dos direitos políticos, nos termos do parágrafo 1º do art. 12 da Constituição Federal;

Estar em dia com as obrigações militares, em caso de candidato do sexo masculino;

Estar quite com as obrigações eleitorais;

Não possuir antecedentes criminais;

Estar em gozo de seus direitos civis e políticos;

Ter conduta civil compatível com o cargo policial militar, devidamente verificado em investigação social a cargo da Secretaria de Defesa Social;

Ter aptidão para a carreira militar do Estado, aferida através de exame de habilidades e conhecimentos, exames médicos, exame de aptidão física, avaliação psicológica, investigação social e o curso de formação profissional.

Não acumular cargos, empregos ou funções públicas, salvo nos casos constitucionalmente admitidos.

Requisitos Específicos:

Possuir escolaridade mínima de ensino médio completo, reconhecida nos moldes da legislação federal, no ato da matrícula no Curso de Formação e Habilitação de Praças;

Ter, no mínimo, 18 anos completos na data de ingresso na carreira de militar do Estado e, no máximo, 28 anos na data de inscrição no concurso, considerando-se esta idade até o dia anterior à data em que o candidato completará 29 anos;

Ser habilitado para a condução de veículos automotores, no mínimo, na Categoria B;

Possuir altura mínima de 1,65m para homens e altura mínima de 1,60m para mulheres.

Para acessar o edital publicado no Diário Oficial, clique aqui.


Comentários pelo Facebook
0 Comentários pelo Blog

Ao escrever seu comentário, certifique-se que o mesmo não possui palavras ofensivas (palavrões), calúnia e difamação contra ninguém, pois, caso haja, ele poderá ser banido por nossos moderadores, desejando manter a ordem e respeito a usuários e terceiros citados nas publicações.

Para mais informações consulte as nossas Políticas de Uso