.

A dignidade feminina mais uma vez ferida pelo machismo — Por Betto Aragão


Por Betto Aragão*

Há tempos não escrevo minha Coluna 'Com Textos' para o Blog do Bruno Muniz. Mas, diante de tanta leviandade desse grupo de machos brasileiros, dentre eles um pernambucano, me leva a refletir junto aos meus leitores sobre tamanha insensatez. “Brincadeira”! É assim que o macho pernambucano trata a insanidade que fez. Ah, desculpem, o chamo de macho, porque homem para mim vai muito além do órgão genital. Só para esclarecer!

Eu adoro as mulheres. Tenho irmãs, sobrinhas, amigas, cunhadas e nasci de uma, minha senhora, Dona Isabel Aragão. Não vejo motivo para não gostar e as venerar sempre que possível, sobretudo, em nome da minha mãe. E ver a mulher russa sendo constrangida de tal forma que foi, deixou-me perplexo. Até demorei a escrever tais palavras, tentando encontrar palavras não ditas e evitando as mal ditas ou mal escritas. Ora, se brincar for usar de imbecilidade, abusar duplamente de uma mulher, não tirem brincadeiras comigo, por favor!

Digo duplamente abuso, porque além de instigar a mulher a dizer palavras chulas em nossa cultura, ainda divulga na internet a fim de ridicularizar a russa. E digo mais! Não importa se é russa, brasileira, chinesa, afegã, enfim. Mulher tem que ser bem tratada independente de sua raça, cor, nacionalidade ou credo. Porque quando se mexe com mulher, o problema não é só delas, tem que ser seu, meu, nosso. É um problema social.

Se a pessoa gasta dinheiro para ir a Rússia fazer isso com uma mulher, fico a imaginar do que o ser seria capaz com as mulheres que o cercam. Expor uma mulher ao ridículo é gravíssimo, precisa ser repudiado, combatido. Que em toda atrocidade vista nesse vídeo, sirva de algo. Sirva de exemplo de como não “brincar” com a dignidade das pessoas!

*Betto Aragão é Jornalista e administrador, pós-graduado em Gestão Pública e em Comunicação e Marketing. Atua com Assessoria de Comunicação, Professor Universitário e Gestor do Polo Unicesumar em Santa Cruz do Capibaribe.


Comentários pelo Facebook
0 Comentários pelo Blog

Ao escrever seu comentário, certifique-se que o mesmo não possui palavras ofensivas (palavrões), calúnia e difamação contra ninguém, pois, caso haja, ele poderá ser banido por nossos moderadores, desejando manter a ordem e respeito a usuários e terceiros citados nas publicações.

Para mais informações consulte as nossas Políticas de Uso