.

"Matei e baleei", confirma indivíduo em áudio momentos antes de morrer em confronto com policiais

Em áudio compartilhado em uma rede social, Abraão confirmou ter sido o autor do crime que vitimou um e deixou outro ferido em São Domingos, distrito de Brejo.
Foto: Divulgação
Santa Cruz do Capibaribe – Em um áudio de WhatsApp obtido pela polícia durante processo investigatório, o Blog do Bruno Muniz teve acesso a uma confissão de crime por parte de Abraão Antônio de Lima (18 anos), indivíduo acusado de vários crimes e que morreu na noite de sábado (20) durante confronto com a polícia no bairro da Palestina, em Santa Cruz do Capibaribe. Na ocasião, um comapanheiro de crimes de Abraão também foi morto – relembre o caso.
"E aí elemento, matei um, tomei um 'canhão' (arma de fogo) e baleei também, viu. Matei e baleei também. Tomei mais canhão, um 'mói' de tiro da miséria na Barrinha, em São Domingos", disse ele no arquivo publicado em uma rede social.
A polícia acredita que no áudio Abraão estava se referindo a um caso ocorrido momentos antes, em São Domingos (distrito de Brejo da Madre de Deus), onde um jovem de 26 anos foi assassinado e um adolescente acabou sendo baleado –entenda.
Armas e outros objetos apreendidos após a troca de tiros – Foto: Ademilon Silva (Agreg Imagem)
As investigações apontam que o autor do áudio estaria em contato com um outro possível comparsa, onde se vangloriou do crime em que teria matado um deixado outro ferido. Uma das armas capturadas em posse da dupla que confrontou a polícia no bairro da Palestina teria sido justamente a mesma cujo o acusado se refere no áudio, levada do local após o crime. As investigações sobre o caso seguem em aberto.

Ouça a declaração:



Comentários pelo Facebook
0 Comentários pelo Blog

Ao escrever seu comentário, certifique-se que o mesmo não possui palavras ofensivas (palavrões), calúnia e difamação contra ninguém, pois, caso haja, ele poderá ser banido por nossos moderadores, desejando manter a ordem e respeito a usuários e terceiros citados nas publicações.

Para mais informações consulte as nossas Políticas de Uso