.

"É impossível que algum desses velhos grupos consiga administrar Taquaritinga da forma como ela precisa", diz Fábio de Jairo em entrevista

O pré-candidato a prefeito de Taquaritinga do Norte, Fábio de Jairo (PSL), concedeu entrevista ao programa Combate da Rádio Farol FM, nesta quarta-feira (06/11). Durante a entrevista Fábio  falou de sua pré-campanha, dos problemas da administração municipal e também apresentou sugestões para o município, respondendo aos questionamentos dos radialistas Paulo Sobral e Egídio Amorim, que apresentam o programa diário.
Foto: Divulgação
O pré-candidato iniciou falando sobre uma das suas principais bandeiras de luta, que é o respeito a folha de pessoal da prefeitura.
"Hoje quando você se depara com as carências do município elas são muito grandes. Em todas as áreas teremos que ter atitudes imediatas. Não se pode chegar hoje em Taquaritinga, assumir uma administração e em primeiro lugar não se ter um respeito pela folha. Porque a partir do momento que sobrar recursos é que se vai poder acabar com essas mazelas que existem hoje", disse Fábio falando sobre o mal direcionamento do recursos feito pela gestão do prefeito Lero Ivanildo.
Em seguida, Fábio pontou falhas da atual gestão e disse que o município vive um momento crítico com o atual modelo de administração.
"Não se justifica um município, que só nessa administração agora já recebeu quase 150 milhões de reais em menos de três anos, com falta constante de médico em hospital, quando tem médico não tem medicamento, e se fosse uma vez ou outra você entendia mas é uma coisa constante... São veículos sucateados rodando sem as condições devidas, pessoas que para ter sua rua calçada tem que pagar algo tem torno de 400 reais, então é esse tipo de coisa que precisa acabar, Taquaritinga precisa ser administrada de uma forma séria. As coisas precisam funcionar de maneira correta e não nesse "meia-boca" como vem sendo feito", afirmou.
Já na parte final, ele chamou de 'política atrasada' o que vem sendo feito pelos grupos Calabar e Gravatinha. 
"Faz 30 anos dessa velha política de Taquaritinga com essa briga de Azul e Vermelho e a quem interessa isso? Qual a alegria do Calabar? É depois da eleição ficar zombando de quem é gravatinha dizendo; Ganhei de você de novo! Qual é a alegria do Gravatinha? A alegria deles hoje é comemorar porque a administração do Calabar tá dando errado. A gente não pode ficar nessa não! Esses dois velhos grupos da forma como estão, é impossível que algum deles consiga administrar Taquaritinga do jeito que ela precisa", cravou.

Comentários pelo Facebook
0 Comentários pelo Blog

Ao escrever seu comentário, certifique-se que o mesmo não possui palavras ofensivas (palavrões), calúnia e difamação contra ninguém, pois, caso haja, ele poderá ser banido por nossos moderadores, desejando manter a ordem e respeito a usuários e terceiros citados nas publicações.

Para mais informações consulte as nossas Políticas de Uso