.

Polícia detalha como funcionava esquema de roubos no Moda Center Santa Cruz que resultou na prisão de três homens

Foto: Ademilton Silva (Agreg Imagem)
Na manhã da última segunda-feira (13), a polícia que atua em Santa Cruz do Capibaribe retirou de circulação um esquema que estava resultando em prejuízos para comerciantes do Moda Center Santa Cruz, maior centro de comercialização de vestuário do Agreste de Pernambuco. Na oportunidade foram presas três pessoas e a segurança do empreendimento participou de maneira importante do desfecho positivo da ocorrência.

Inicialmente um segurança identificou Jocelio Severino da Silva (34 anos), um carroceiro do parque, abastecendo o seu veículo com mercadorias. O segurança estranhou a situação e logo acionou os seus companheiros. Ao ser feita uma abordagem, foi constatado que as peças que o carroceiro estava colocando em seu carro eram na verdade roubadas de comerciantes do parque. Diante do exposto, o acusado foi detido.
Foto: Ademilton Silva (Agreg Imagem)
Uma vítima que teve o seu ponto de vendas (box) arrombado foi acionada e reconheceu as mercadorias que estavam no veículo de Jocelio. Questionado sobre se agia sozinho, Jocelio acabou delatando Orlando Bernardo da Silva, de 24 anos, residente em São Domingos, distrito de Brejo da Madre de Deus. Envolvido nos roubos e furtos, o carroceiro também indicou o endereço de Julio César Notano da Silva, de 30 anos, também residente em São Domingos.

Um quarto envolvido identificado apenas como "Felipe" também foi investigado, porém ao notar a chegada da polícia ele fugiu do Moda Center abandonando mais de 470 peças de roupas roubadas. Para o policiamento, Jocelio era o responsável por roubar as mercadorias no Moda Center, já os demais envolvidos ficaram responsáveis pele comercialização dos produtos externamente. Todos os envolvidos foram encaminhados para delegacia local e vão responder pelo crime de roubo/furto.

Segurança no Moda Center

O Moda Center Santa Cruz possui 9 mil boxes e diversas lojas. A grande quantidade de pontos comerciais do parque exigem uma logística de alta complexidade e é graças a ela que os crimes registrados no local estão sendo cada vez menos impunes.

Devido ao treinamento que recebem, os seguranças estão sempre atentos para ocasiões como esta que resultou na prisão de três pessoas. Para as altas temporadas, o parque já se programa com reforço no setor que assegura a comercialização entre comerciantes e clientes.


Comentários pelo Facebook
0 Comentários pelo Blog

Ao escrever seu comentário, certifique-se que o mesmo não possui palavras ofensivas (palavrões), calúnia e difamação contra ninguém, pois, caso haja, ele poderá ser banido por nossos moderadores, desejando manter a ordem e respeito a usuários e terceiros citados nas publicações.

Para mais informações consulte as nossas Políticas de Uso