.

Santa Cruz do Capibaribe – Curiosos que se aglomeram em local de crime serão autuados, afirma delegado

"Estarão sendo levados para a delegacia e autuados em flagrante delito por alteração do local de crime", sustenta.
Foto: Ademilton Silva (Agreg Imagem)
Tornou-se comum que dezenas de pessoas se aglomerem em locais onde ocorrem crimes ou acidentes na expectativa de observarem as vítimas mais de perto, ou até mesmo fotografar. Essa cultura muitas vezes leva famílias inteiras – até mesmo com crianças – para as cenas trágicas de homicídios, latrocínios e outros crimes graves.

Porém, tal costume está com os dias contados. Isso pois, em recente entrevista, o delegado Dr. Bruno Machado, responsável pela Delegacia de Homicídios de Santa Cruz do Capibaribe, região Agreste de Pernambuco, deixou claro que irá autuar pessoas que se puserem próximas a cenas de crimes antes ou até mesmo após a chegada do policiamento.

Para o delegado, essa curiosidade do público não apenas dificulta o trabalho da polícia como também compromete as investigações. O chefe de polícia ainda sustenta que a medida se traduz como necessária tamanha a quantidade de pessoas aleatórias em locais onde ocorreram ações criminosas.
“Quando chegarmos em um local de crime, as pessoas que estiverem bem próximas ao corpo, não respeitando o limite mínimo de cinco metros, estarão sendo levadas para a delegacia e autuadas em flagrante delito por alteração do local do crime, pois qualquer elemento que possa ter no local e descuidadosamente alguém venha pisar, a gente já estará perdendo algo importante do inquérito”, – afirmou.
O alerta do delegado está assegurada na Lei nº 2.848, Art. 347. A pena por alteração no local de crime pode acarretar em detenção de três meses a dois anos, e multa.


Comentários pelo Facebook
0 Comentários pelo Blog

Ao escrever seu comentário, certifique-se que o mesmo não possui palavras ofensivas (palavrões), calúnia e difamação contra ninguém, pois, caso haja, ele poderá ser banido por nossos moderadores, desejando manter a ordem e respeito a usuários e terceiros citados nas publicações.

Para mais informações consulte as nossas Políticas de Uso