.

Criança tem rosto queimado pela mãe com colher quente após não conseguir fazer tarefa escolar

Foto: Divulgação
Na última segunda-feira (18), a Polícia Civil deu início a uma investigação, onde uma mãe de 25 anos é acusada de queimar a própria filha com uma colher quente, após a criança não conseguir fazer a tarefa escolar no bairro de Águas Compridas em Olinda.

Segundo informações do delegado Vinícius Oliveira, o caso aconteceu na última quarta-feira (13), porém a queixa só foi registrada na delegacia de Peixinhos, na última segunda (18). Segundo o delegado, a mãe afirmou que as queimaduras aconteceram após um acidente e nega ter ferido a filha intencionalmente. 

De acordo com o conselheiro Eurico Guedes, o caso chegou ao Conselho Tutelar de Olinda após várias denúncias. 

"Eu recebi a denúncia, e fui até o local verificar. A criança afirma que foi queimada porque estava com dificuldades de fazer uma tarefa escolar. Foi aí que a sua mãe usou uma colher quente para queimá-la. A garota diz que foi a primeira vez que isso aconteceu", diz o conselheiro. 

Ainda na última segunda-feira (18), a criança foi levada para o IML (Instituto de Medicina Legal), no bairro Santo Amaro em Recife, onde passou por exame de corpo de delito.


Comentários pelo Facebook
0 Comentários pelo Blog

Ao escrever seu comentário, certifique-se que o mesmo não possui palavras ofensivas (palavrões), calúnia e difamação contra ninguém, pois, caso haja, ele poderá ser banido por nossos moderadores, desejando manter a ordem e respeito a usuários e terceiros citados nas publicações.

Para mais informações consulte as nossas Políticas de Uso