.

Em Santa Cruz do Capibaribe projeto envolve oficina de sling, doulas e dança para mães

Foto: Divulgação
O nascimento de uma criança é um momento muito importante para toda família, marca uma quebra de ciclo e início de muitos outros. Para as mães, sobretudo, é uma fase de escolhas, aprendizado e muito amor. Pensando nisso as Doulas do Município de Santa Cruz do Capibaribe no Agreste de Pernambuco, Grupo “Santas Doulas”, desenvolveu uma oficina de Sling que chamou a atenção dos internautas.

O grupo Santas Doulas já vem realizando um lindo trabalho no município desde o ano passado, com rodas de gestante e puérperas, como também oficinas e em breve cursos. No último sábado (23/02) aconteceu a oficina de sling e também o lançamento do projeto "Mamães Que Dançam", uma modalidade de dança que envolve mãe e bebê através do sling, uma espécie de porta-bebês que é feito com tecido e suporta um recém-nascido ou criança pequena, onde permanecem juntos de suas mães com livre acesso ao seio facilitando a amamentação, e favorecendo para a mãe mais autonomia  em suas atividades cotidianas. O grupo “Mamães que Dançam” estarão se apresentando em eventos culturais da cidade. Qualquer mãe interessada pode participar.

Para quem não conhece o trabalho das Doulas, são acompanhantes profissionais de parto, que oferecem apoio físico e emocional durante a gestação, parto e até os primeiros meses após o parto, com foco no bem estar da mulher e da criança.

O que encantou o público nas redes sociais foi o vídeo postado do grupo "Mamães Que Dançam". Através dele, diversas pessoas tiveram acesso ao momento especial entre mães e bebês e aprovaram.



Comentários pelo Facebook
0 Comentários pelo Blog

Ao escrever seu comentário, certifique-se que o mesmo não possui palavras ofensivas (palavrões), calúnia e difamação contra ninguém, pois, caso haja, ele poderá ser banido por nossos moderadores, desejando manter a ordem e respeito a usuários e terceiros citados nas publicações.

Para mais informações consulte as nossas Políticas de Uso