.

Vai viajar? Saiba que medidas tomar para manter sua casa segura

Imagem meramente ilustrativa
Seja em feriados prolongados ou em um período de férias mais longo, viajar com a família é sempre motivo de alegria e prazer. Porém, uma preocupação natural que isso traz é em relação à segurança da casa, que vai ficar vazia por muitos dias. E se tem uma coisa que não combina com viagem é preocupação.

Em Santa Cruz do Capibaribe, por exemplo, milhares de pessoas deixam suas casa em busca de lazer principalmente na região litoral. Por isso, para que toda a família possa se divertir e descansar com tranquilidade, separamos algumas dicas essenciais de como se prevenir contra surpresas desagradáveis. São pequenos cuidados que ajudam na segurança da casa e podem evitar grandes transtornos.

Confira abaixo:

Luzes e aparelhos eletrônicos

– Não deixe luzes acessas durante toda a viagem. Elas podem chamar a atenção de dia, indicando ausência de pessoas.

 Se possível, instale temporizadores em algumas luzes da casa. Eles podem ser programados para acenderem e apagarem automaticamente em um intervalo de tempo determinado. Programe para que acendam no início da noite e apaguem antes da madrugada.

 Retire da tomada todos os aparelhos eletrônicos. Isso evita que sejam danificados no caso de sobrecarga elétrica, evitando até mesmo o risco de incêndios.

 Planeje-se para consumir todos os produtos da geladeira antes da viagem. No caso de uma queda de energia prolongada eles podem estragar e espalhar mal cheiro pela casa. Antes de sair, deixe a geladeira no mínimo de refrigeração para poupar energia elétrica.

 Desligue a campainha. Pessoas sondando casas vazias podem acioná-las em diversos horários para verificar se alguém atende. No entanto, se não ouvirem o toque não poderão ter certeza se não tem ninguém em casa ou se a campainha está com defeito.

Amigos e vizinhos

 Cuidado também com o que você divulga em redes sociais, pessoas que não são de confiança podem ficar sabendo dos seus planos de viagem, datas de embarque e desembarque.

 Não conte a estranhos ou a pessoas em quem não confia plenamente que vai viajar. Mesmo vizinhos com quem você mantém boa relação podem, sem má intenção, comentar com outro vizinho e a notícia se espalhar, chegando ao conhecimento das pessoas erradas.

 Mesmo assim, vale contar caso tenha um vizinho de grande confiança, alertando para que não repasse a informação e pedir para ele ficar atento a qualquer coisa estranha. Não se esqueça de deixar seu telefone de contato, caso ele tenha que avisar algo.

 Se for se ausentar por muito tempo, deixe uma cópia das chaves com alguém de confiança para que recolha a correspondência. Cartas e contas acumuladas chamam a atenção para casas vazias.

 Também vale suspender a entrega de jornais e revistas durante a ausência para evitar que fiquem acumulados.

Trancas e cadeados

 Nunca deixe o portão fechado com um cadeado para o lado de fora. Isso indica que não há ninguém na casa.

 Antes de sair, cheque se janelas e portas estão fechadas com trincos e fechaduras.

 Não deixe dinheiro e joias em casa. Se preciso, alugue um cofre em um banco por um período.

 Feche todas as cortinas e persianas.

 Não se esqueça de fechar os registros de água e gás.

 Com esses cuidados, certamente você fará uma viagem mais tranquila, sem ficar o tempo todo preocupado. São medidas simples que fazem uma grande diferença quando o assunto é segurança.


Comentários pelo Facebook
0 Comentários pelo Blog

Ao escrever seu comentário, certifique-se que o mesmo não possui palavras ofensivas (palavrões), calúnia e difamação contra ninguém, pois, caso haja, ele poderá ser banido por nossos moderadores, desejando manter a ordem e respeito a usuários e terceiros citados nas publicações.

Para mais informações consulte as nossas Políticas de Uso