.

Os desafios da 'Faça Um Focinho Feliz', ONG que tenta mudar a trágica realidade de uma cidade

Santa Cruz do Capibaribe ainda não dispõe de uma política própria em defesa dos animais de rua.
Local abriga dezenas de gatos e cachorros – Foto: Leonardo de Matos (Agreg Imagem)
Neste mês de dezembro a reportagem do Blog do Bruno Muniz acompanhou os trabalhos desenvolvidos na Faça Um Focinho Feliz, organização não governamental que visa resgatar e cuidar de animais abandonados ou em situação de vulnerabilidade em Santa Cruz do Capibaribe, no Agreste de Pernambuco. O local que hoje funciona em um terreno cedido pela prefeitura enfrenta problemas principalmente devido a falta de recursos e de uma política voltada especificamente para os animais.
Animais sobrevivem de doações e trabalho voluntário – Foto: Leonardo de Matos (Agreg Imagem)
Atualmente tramitam na Câmara Municipal de Vereadores de Santa Cruz do Capibaribe alguns projetos voltados para animais de rua, porém ainda não há uma discussão voltada para este tema na cidade. As ações desenvolvidas ainda são limitadas tendo em vista o avanço de cães e gatos de maneira desenfreada em ruas e avenidas. Além da problemática gerada sobre os direitos da qualidade de vida dos animais, campanhas de castração, adoção e conscientização da população ainda ocorrem à curtos passos.
"A solução é a castração. Não para hoje, mas a longo prazo é a melhor e mais aceitável solução", detalha Rosângela, uma das voluntárias da ONG.
Rosângela, uma das responsáveis pela ONG, falou com a nossa equipe – Foto: Leonardo de Matos (Agreg Imagem)
Em levantamento feito pela nossa reportagem, foi possível constatar que os problemas enfrentados pela ONG também estão diretamente relacionados a falta de informação por parte dos moradores que descartam animais na sede da instituição sem qualquer tipo de restrição. De acordo com os voluntários que atuam no espaço, muitas vezes animais são recolhidos feridos ou abandonados nas ruas e posteriormente são descartados no local, o que só aumenta a demanda de gastos do grupo que não consegue arcar com despesas de todos os bichos.
Campanhas são realizadas nas redes sociais quando um animal necessita – Foto: Leonardo de Matos (Agreg Imagem)
Atualmente a ONG Faça um Focinho Feliz abriga dezenas de gatos e cachorros, todos esses alimentados e cuidados com recursos adquiridos através de doações. Cada vez que um animal adoece ou chega na entidade necessitando de atendimento veterinário, os voluntários se unem e buscam alternativas de conseguir valores e medicamentos através de campanhas feitas sobretudo pela internet. Apesar do empenho, nem sempre é possível salvar os animais que necessitam de um tratamento mais especializado.
Voluntária alerta para conscientização das pessoas – Foto: Leonardo de Matos (Agreg Imagem)
Rosângela, a voluntária responsável por receber a nossa equipe, detalhou que só de ração para cães a ONG gasta mensalmente aproximadamente R$ 1.350. A voluntária desabafou quanto a questão que envolve a criação dos animais de estimação.
"Muita gente pensa que cachorro é presente, é brinquedo. Compra para os filhos, mas quando eles crescem, abandonam. Cachorro e gato não são objetos, não são brinquedos, são seres com vida e que precisam de cuidados. É necessário que tenhamos responsabilidade em cuidar. Estamos cansados de receber cães feridos aqui, esfaqueados, queimados. São descartados como objetos, coisas que eles não são", lamentou.
Interessados podem doar periodicamente – Foto: Leonardo de Matos (Agreg Imagem)
Quem deseja realizar doações para a referida ONG pode entrar em contato através do (81) 9 9374-2692. O espaço precisa, além de ração e medicamentos, de produtos de limpeza.



Comentários pelo Facebook
0 Comentários pelo Blog

Ao escrever seu comentário, certifique-se que o mesmo não possui palavras ofensivas (palavrões), calúnia e difamação contra ninguém, pois, caso haja, ele poderá ser banido por nossos moderadores, desejando manter a ordem e respeito a usuários e terceiros citados nas publicações.

Para mais informações consulte as nossas Políticas de Uso