.

Em Pernambuco, supermercados começam a vender apenas cinco unidades de cada produto

Diante da greve dos caminhoneiros, é natural que a população tema ficar sem alimentos na despensa e parta para os mercados no intuito de estocar o máximo até o fim do período de crise. Perante estes cenário dezenas de supermercados em Pernambuco, principalmente no Recife, já iniciaram a limitação na comercialização da maioria dos produtos.

Em unidades como o Carrefour, só é possível levar cinco unidades de cada iten. As placas com o aviso de limitação já começaram a ser postas também em outros estabelecimentos. 
"Atenção clientes, devido à greve dos caminhoneiros e para que todos os nossos clientes consigam aproveitar nossos preços e ofertas, estamos limitando a venda a no máximo cinco unidades de cada item por compra. Contamos com a sua compreensão. Muito obrigado", diz um dos anúncios.
De acordo com os supermercados, a medida adotada visa garantir alimento para todos e prolongar a existência dos produtos nas prateleiras, tendo em vista que o encerramento da greve ainda é incerto. Dezenas de produtos já estão em falta no comércio regional, a exemplo do gás de cozinha.

Comentários pelo Facebook
0 Comentários pelo Blog

Ao escrever seu comentário, certifique-se que o mesmo não possui palavras ofensivas (palavrões), calúnia e difamação contra ninguém, pois, caso haja, ele poderá ser banido por nossos moderadores, desejando manter a ordem e respeito a usuários e terceiros citados nas publicações.

Para mais informações consulte as nossas Políticas de Uso