.

Chega de Dietas Restritivas, reeducação alimentar é a ordem!


Olá gente, nesta postagem trago breve reflexão sobre a definição de reeducação Alimentar relacionada com seu peso. Com foco no crescimento da  quantidade de pessoas com excesso de peso e obesidade em nosso país, a Nutrição tem tornado-se baluarte das ciências de saúde à frente da batalha da balança. É só dar uma olhada ao nosso redor e veremos ou sabemos de uma ou várias pessoas com o peso extrapolado, com a barriguinha saliente, ou aquelas gordurinhas indesejáveis que tanto tiram a auto estima e por vezes podem prejudicar nossa saúde.

É sabido cientificamente que há uma união inseparável da ATIVIDADE FÍSICA + ALIMENTAÇÃO ADEQUADA para se chegar nas metas de peso ideais, com taxas de gordura corpórea e massa muscular aceitáveis, dentro da normalidade almejada ou ainda por mais focos de questões estéticas. E junto a essa soma, incluímos a questão psicológica de força de vontade para uma real mudança de mente, de busca para uma nova vida de saúde e bem estar físico e estético.

E é na alimentação diária que vemos por vezes dificuldades e obstáculos impostos, inclusive por alguns profissionais com suas tenebrosas restrições alimentares, dietas inatingíveis, que distanciam o mais importante significado de reeducação alimentar para uma nova forma de mudarmos nossa alimentação e consumo diário dos diversos alimentos. O conceito de REEDUCAÇÃO ALIMENTAR nos diz muita coisa, e podemos resumi-lo como mudança GRADATIVA da quantidade e da qualidade do que comemos diariamente, como principal mudança a ser tomado num novo patamar e plano alimentar saudável e prazeroso, seja para perda de peso/gordura ou ganho de peso total.
Imagem meramente ilustrativa
E essa simples e objetiva definição de REEDUCAÇÃO ALIMENTAR nos diz o caminho correto. Que não é da noite para o dia, não é pulando nenhuma refeição, não são dietas altamente restritivas, não são dietas milagrosas prometidas pela mídia e por blogueiras, artistas de moda com sérias restrições de grupos alimentares apenas. Mas uma transformação pela mente e pela boca que ocorrerá no dia a dia, com o devido acompanhamento profissional Nutricional, obviamente, MAS com o prazer associado SIM ao bom paladar, e a poder consumir bons alimentos, saudáveis, nutritivos e saborosos.

O prazer de comer e de se adaptar a novos alimentos é GRADATIVO, ou seja, aos poucos. Esta adaptação e novos hábitos em consumirmos alimentos mais saudáveis, menos processados, menos industrializados, menos gordurosos e menos açucarados, virão sim! Ao primeiro passo de entendermos que toda MUDANÇA para ser SEGURA E EFICAZ deve  ser gradativa e não miraculosa, de um dia para outro. Atendo na Clínica, pessoas e pacientes que almejam essa mudança de vida pela alimentação e com paciência e foco no alvo, almejam uma REEDUCAÇÃO que levem para a vida toda e sem a tortura de não poder comer nada e são bem sucedidas em suas metas. Da mesma forma que muitos querem milagres rápidos, não acreditam que consumindo todos os grupos alimentares em alimentos SAUDÁVEIS e saborosos, de forma adequada e balanceada, podem chegar lá.
Tabela ilustrativa - Clique para ampliar
Enfim, com todo exposto poderíamos escrever bem mais sobre a reeducação alimentar e seus significados dentro da terapia nutricional, mas se seu foco é ganhar ou perder peso, saiba que este deve ser o MELHOR CAMINHO para o sucesso de seu novo plano alimentar diário ou tratamento nutricional. Saber escolher os alimentos, entender os grupos alimentares e suas substituições adequadas faz parte dessa reeducação nutricional. Em mais posts trataremos mais das substituições alimentares e como ir adequando suas refeições. 

Até a próxima coluna! Dúvidas nos enviem por e-mail ou nos procurem em nosso atendimento clínico!

Nutricionista Helder Viegas
CRN6 10289 - Especialista em Nutrição Clínica 
Especialista em Fitoterapia e Suplementação Esportiva
Atende na Clínica Sant’Anna, em Sta Cruz do Capibaribe (3731-4267)
Contato e dúvidas: helderviegas1@hotmail.com

Comentários pelo Facebook
0 Comentários pelo Blog

Ao escrever seu comentário, certifique-se que o mesmo não possui palavras ofensivas (palavrões), calúnia e difamação contra ninguém, pois, caso haja, ele poderá ser banido por nossos moderadores, desejando manter a ordem e respeito a usuários e terceiros citados nas publicações.

Para mais informações consulte as nossas Políticas de Uso