.

Marília Arraes confirma filiação ao PT em Festa de 36 anos da legenda

Foto: Reprodução de Arquivo Pessoal (Instagram)
Como já havíamos anunciada, a Vereadora Marília Arraes, neta do ex-governador Arraes e prima de Eduardo Campos, confirmou sua saída do Partido Socialista Brasileiro (PSB) e já confirmou a sua filiação ao Partido dos Trabalhadores (PT). Sua filiação foi anunciada neste sábado (27), e teve ficha de filiação validada pelo representante maior do Partido dos Trabalhadores, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

Em sua página pessoal no Instagram Marília postou uma foto ao lado do ex-presidente Lula com a seguinte frase:
“Início de uma nova etapa de minha vida política, como sempre, crescendo na adversidade, com a ficha abonada pelo homem que mudou o Brasil”.
A carta de desfiliação ao PSB foi oficializada na última sexta-feira (26) e aponta como principal motivo os rumos que o PSB tomou em Pernambuco, no que diz respeito ao vale tudo para controlar todas as esperas do poder no estado.
“Em meio a este contexto de crescimento meteórico, foi-se criando uma espécie de atmosfera, por parte de um núcleo duro da legenda, para o controle à mão-de-ferro, tanto do próprio PSB quanto da política de Pernambuco em toda a sua estrutura, em busca da ocupação completa de todas as instâncias de poder existentes, nas esferas estadual e municipal: Executivo e Legislativos Municipais, Judiciário e Tribunais de Contas, utilizando-se dessas últimas instituições, inclusive, como "polícia política". A cúpula dos que mandam no partido passou a querer comandar desde simples decisões internas partidárias, que coubessem a escolhas democráticas e colegiadas, até o desenrolar de toda a cena e atores políticos do Estado. Desta maneira, os militantes, foram alijados de qualquer participação na construção democrática, já que a nós cabia não só homologar todas as decisões que vinham "de cima", mas também aplaudi-las de pé. Atitudes bajulatórias, principalmente para com a família Campos e os que gravitam em torno dela, tornaram-se praxe entre os integrantes do PSB”. (Marília Arraes - Carta de Desfiliação).
Mesmo a vereadora descartando a possibilidade, a chegada de Marília ao PT, poderá ser uma boa opção da sigla para as eleições de 02 de outubro. Na conjuntura que passa a partido, um nome novo e com o sobre nome Arraes, poderá ser uma boa alternativa.

Por: Marciel Aquino

Comentários pelo Facebook
0 Comentários pelo Blog

Ao escrever seu comentário, certifique-se que o mesmo não possui palavras ofensivas (palavrões), calúnia e difamação contra ninguém, pois, caso haja, ele poderá ser banido por nossos moderadores, desejando manter a ordem e respeito a usuários e terceiros citados nas publicações.

Para mais informações consulte as nossas Políticas de Uso