.

Servidores da Prefeitura de Santa Cruz do Capibaribe encerram janeiro sem receber sequer dezembro

Prazos apontados pela gestão para realização dos pagamentos foi novamente descumprido.
Foto: Bruno Muniz (Agreg Imagem)
A situação é delicada para quem depende da Prefeitura Municipal de Santa Cruz do Capibaribe para cumprir com atividades básicas do cotidiano financeiro. Com o orçamento ainda passando por problemas, a gestão não pagou a parte dos servidores que, passados dois meses sem receber, estão em situação ainda mais complicada.

Nos últimos dias, vários servidores que integram o quadro da prefeitura procuraram a nossa reportagem alegando que não sabem mais o que fazer para lidar com as contas que se acumulam sem previsão de serem pagas.
"Não recebemos a quinzena de novembro e nem o décimo. Eu comentei numa publicação do prefeito solicitando que ele pagasse, visto que todas as minhas contas estão em atraso e nem dinheiro para comprar alimentos eu tenho. Minha mãe é quem está comprando comida para minha casa, pois tenho esposa e filhos. O prefeito apagou meu comentário", lamentou um jovem que alegou já ter tentado de todas as formas receber os valores que são seus por direito.
A nossa reportagem também conversou com duas mulheres que estão de licença maternidade e sem receber os auxílios. Em ambos os casos, as servidoras que atuam como cuidadoras em uma escola ainda temem serem demitidas após retornarem da licença.

No início do mês o Blog do Bruno Muniz procurou a assessoria de comunicação da prefeitura para saber sobre os prazos para pagamentos, porém a mesma não se pronunciou sobre o caso.


Prefeitura de Santa Cruz do Capibaribe oferece primeiras capacitações de 2019


Através do projeto “Capacita Juventude” e da parceria com o Senai de Santa Cruz do Capibaribe, a prefeitura está oferecendo três cursos na área de Moda, a fim de promover mais especializações para jovens e adultos do município.

Os cursos de Desenhista de Moda (noite) ; Programação visual de moda + desenvolvimento de estamparia no corel draw (2 turmas - tarde e noite); e Modelista de Roupas (tarde). Para se inscrever é preciso ir ao Senai, localizado na Rua Maria Paulina da Conceição, 251, bairro Nova Santa Cruz, entre as 8h às 17h, portando de Identidade, CPF e Comprovante de Residência.

Lembrando que, os cursos oferecidos no período noturno, é necessário o aluno ter mais de 18 anos, e os ofertados a tarde são para quem possui mais de 16 anos. As aulas de todos os cursos serão iniciadas na próxima segunda-feira (04).

De acordo com Rogério Vieira, coordenador da juventude, as especializações são para aqueles que procuram crescer profissionalmente e explorar suas habilidades diante do mercado que exige cada vez mais do funcionário.
“Além dos cursos, estamos sempre em busca durante todo ano, de palestras e de diversas profissionalizações para especializar o jovem santa-cruzense e prepará-lo para o mercado de trabalho”, comenta Rogério.
Essas são as primeiras capacitações de 2019, durante todo o ano, o programa “Capacita Juventude”, coordenado pela Secretaria de Governo e Desenvolvimento Social e da Coordenadoria da Juventude, oferecerá mais especializações gratuitas a partir de parcerias com entidades.

Conteúdo da Assessoria


Instituto UESCC elege nova diretoria para o biênio 2019-2020

Foto: Divulgação
O Instituto da União dos Estudantes de Santa Cruz do Capibaribe – UESCC, está sob nova direção. A reunião que homologou a nova diretoria se deu na noite desta quarta-feira (30), na sede da entidade. A UESCC completa 30 anos de fundação neste ano de 2019 e continuará dando sua garra em prol dos direitos estudantis e, agora, como Instituto, trabalhar o desenvolvimento humano das pessoas.

Como novo presidente, o ator e estudante do Curso de Pedagogia, Eudhes Sellen, pretende dar continuidade ao trabalho da Instituição e ampliar com ações diversas que englobem a juventude estudantil de Santa Cruz do Capibaribe.
“Nós já temos um trabalho com os estudantes no sentido de mostrar a eles que são capazes de ir além das salas de aula, as nossas ações não são apenas emitir a carteira de estudante, como muitos pensam. A nossa proposta para o nosso mandato é diversificar ainda mais as ações e envolver a comunidade estudantil e juventude da nossa cidade. Para isso, além da diretoria, nós criamos coordenadorias para dinamizar ainda mais as nossas ações”, pontuou o presidente.
A diretoria do Instituto UESCC ficou composta por: Eudhes Sellen – Presidente, Tatiane Almeida – Diretora Estudantil, Clarice Mota – Tesoureira e Wélio Lima – Secretário.


Adolescente que atropelou mulher intencionalmente é detido em Jataúba

Foto: Ademilton Silva (Agreg Imagem)

Na manhã da última quarta-feira (30), policiais militares do 24º BPM em conjunto com a Guarda Comunitária Civil de Jataúba, detiveram um menor de 17 anos, acusado de atropelar e matar uma mulher no último domingo (27), no município de Jataúba.

O menor foi detido dentro de uma residência abandonada, a qual o mesmo estava escondido após ter cometido o crime. No momento da detenção, populares tentaram linchá-lo, porém a polícia impediu a ação.

Ele foi encaminhado para a delegacia de polícia de Santa Cruz do Capibaribe, onde foram tomadas as providências cabíveis.


"Diversidade Literária" — Com Bruna Marques


Titulo: Viventes das Alagoas
Autor: Graciliano Ramos
Ano: 1961
Edição: 1976 - 200p.
Gênero: Contos e Crônicas 
Editora: Martins Editora

SINOPSE

Reunião de textos que misturam crônicas e ensaio. Os textos híbridos que compõem este livro fazem parte das colaborações de Graciliano para a imprensa a partir de 1937. Considerado um subversivo pela ditadura do Estado Novo, o velho Graça é preso em 1936 em Maceió, e transportado para o Rio de Janeiro, onde é libertado apenas em 1937. Fixado na cidade desde então, o autor de Caetés e Angustia passa a escrever artigos para revistas como O Cruzeiro, Cultura Politica e jornais como Diário de Notícias e A Tarde.

O livro traz ainda em suas paginas finais, os Relatórios redigidos por Graciliano quando prefeito de Palmeira dos índios – AL. A linguagem burocrática e formal, característica desses documentos, é substituída por notas irônicas e sarcásticas, alem de rasgos literários que simbolizam o ingresso de Graciliano na literatura.

RESENHA

Viventes das Alagoas é uma obra com os mais diversos problemas do sertão discutidos em contos. A maioria dos contos são construídos em poucas paginas, porém com muita riqueza de detalhes. Alguns dos títulos abordados no livro são; Lampião, Inácio da catingueira e Romano, Carnaval 1910 e entre outros. O livro traz uma leitura um pouco complicada por ser uma escrita com palavras variadas que caíram em desuso, as historias tem características próprias de cidades da Paraíba, então quem não conhece tais cidades fica um pouco perdido em alguns detalhes das historias, o mesmo foi publicado em 1961 e é um ótimo meio de conhecimento das dificuldades enfrentadas desde aquela época pelas pessoas no sertão nordestino como; seca, sede, fome e entre outros.

CLASSIFICAÇÃO DA OBRA 

Esta obra é de classificação livre.

INDICAÇÃO 

A obra é indicada a todos aqueles que buscam conhecimento regional, a cerca de temáticas como dificuldades do povo nordestino com a fome, sede, falta de conhecimento e escolaridade e histórias passadas de gerações, que sao abordadas por Graciliano Ramos.

SOBRE O AUTOR

Graciliano Ramos nasceu em 27 de out. de 1892 em quebragulho, Alagoas e faleceu em 1953 no Rio de Janeiro, no dia 20 de março de 1953. Ele foi um escritor brasileiro, cujo o romance "Vidas Secas" foi sua obra de maior destaque, sendo considerado o melhor ficcionista do Modernismo e o prosador mais importante da Segunda Fase do Modernismo. 

Suas obras embora tratem de problemas sociais do Nordeste brasileiro, apresentam uma visão crítica das relações humanas, que as tornam de interesse universal. Seus livros foram traduzidos para vários países. Seus trabalhos:

• Vidas Secas;
• São Bernardo;
• Memórias do Cárcere.
Foram levados para o cinema. Recebeu o Prêmio da Fundação William Faulkner, dos Estados Unidos, pela obra "Vidas Secas".

OUTRAS OBRAS DO AUTOR

• Caetés, romance, 1933;
• São Bernardo, romance, 1934;
• Angústia, romance, 1936;
• Vidas Secas, romance, 1938;
• A Terra dos Meninos Pelados, literatura juvenil, 1942;
• História de Alexandre, literatura juvenil, 1944;
• Dois Dedos, literatura infantil, 1945;
• Infância, memórias, 1945;
• Histórias Incompletas, literatura infantil, 1946;
• Insônia, contos, 1947;
• Memórias do Cárcere, memórias, 1953;
• Viagem, memórias, 1954;
• Linhas Tortas, crônicas, 1962;
• Viventes das Alagoas, costumes do Nordeste, 1962.

Por Bruna Marques


Mutirão da Justiça dá liberdade a 35 adolescentes da Funase

Liberação durante audiências leva em conta envolvimento de socioeducandos em atividades pedagógicas.
Foto: Divulgação
A Justiça vem promovendo audiências concentradas para revisar processos que envolvem adolescentes em cumprimento de medidas socioeducativas. Quatro unidades da Fundação de Atendimento Socioeducativo (Funase) já foram contempladas. De um total de 43 socioeducandos participantes, 35 ganharam a liberdade, podendo deixar o regime de internação e voltar para a casa de seus familiares. Esse resultado reforça o êxito do trabalho da Funase, uma vez que a liberação é determinada pelos juízes responsáveis com base na percepção de que os internos estão envolvidos em atividades pedagógicas e construindo novos projetos de vida.

No Centro de Atendimento Socioeducativo (Case) Jaboatão dos Guararapes, oito socioeducandos foram beneficiados com a liberdade assistida, ou seja, passaram a cumprir a medida socioeducativa em meio aberto, com apresentações periódicas ao Poder Judiciário. No Case Santa Luzia, situado no Recife, todas as socioeducandas contempladas pelo mutirão também puderam deixar a unidade após a avaliação. Três receberam liberdade assistida, e outras duas tiveram a medida socioeducativa extinta.

No Case Abreu e Lima, o número foi ainda mais expressivo: 12 extinções de medida concedidas e cinco adolescentes em liberdade assistida, fazendo com que, na prática, 17 socioeducandos tenham deixado a unidade de internação. Outros três jovens foram beneficiados com reduções de prazo para a reavaliação de seus processos pela Vara Regional da Infância e Juventude. Por fim, no Case Caruaru, dos dez socioeducandos avaliados, três passaram para a semiliberdade, um teve a medida extinta e quatro deixaram a unidade e prestarão serviços comunitários. Dois tiveram a medida mantida, mas com redução do tempo de reavaliação.

A mãe do socioeducando J.W., de 18 anos, um dos liberados na audiência concentrada no Case Caruaru, ficou emocionada ao saber do resultado.
“Estou sentindo alegria no meu coração por meu filho ter recebido muito apoio nesse tempo em que esteve aqui. O atendimento foi muito bom pra ele. Estou contente de saber que vou levá-lo pra casa e vou buscar um futuro melhor pra ele”, afirmou.

"Aprenda a dizer não" — Por Lucas Andrade

Algumas mães dizem; Sr. Conselheiro, o que faço com meu filho, ele não me atende, não me obedece, não sei o que fazer, me ajude!  
Nesse mundo contemporâneo em que vivemos, observamos que a era tecnológica tem tido um impacto muito grande no seio familiar, onde muitas crianças não saem mais a rua para brincar e vivem trancadas dentro de casa aprisionadas nas máquinas computadorizadas.

Recebo constantemente muitas mães que alegam ter dificuldades em educar seus filhos, pois percebo que na maioria delas existe uma grande preocupação em não traumatiza-los ou frusta-los de seus desejos, tratando-os como  reis e rainhas do lar, isso mesmo, não são tratados como príncipes ou princesas, mas como reis e rainhas! 

Repondo da seguinte maneira, ou você impõe LIMITES ou eles não terão limites, mostre que quem manda é você, afinal de contas, quem paga as contas ?  se for você quem manda ta ótimo e se não for, sabe o que acontece ? Eles não terão respeito em lugar nenhum, seja em qualquer ambiente social, principalmente na escola, onde recebemos gestores alegando um comportamento inadequado de alguns alunos, e não só isso, como também uma má formação educacional de seus pais que acaba desrespeitando a equipe pedagógica assim como colegas da sala de aula, e que depois de esgotados todos os recursos escolares fazem comunicação ao Conselho Tutelar solicitando providencias. 

APRENDA A DIZER NÃO!

Uma criança que não sabe o valor do que entra dentro de casa através dos sacrifícios de seus responsáveis não pode e nem deve dominar o lar, cresce uma criança como dizia minha avó, sem tutano, sem força de vontade e desmotivada, acostumada a tudo sem esforço próprio, esgotando as energias de quem cuida dela. 

Quando elas não são limitadas, acabam gerando dentro de si uma imagem de que quem manda são elas, ou seja, papeis invertidos, onde a criança manda e os pais obedecem, e isso não é bom para os pais nem para os filhos. Ponha limites no game, no futebol, no celular, na internet, é aquela coisa né, ou você domina ou será dominado, EDUQUE BEM É SEU DEVER!  

A lei é muito clara em relação a quem é dado o dever de educar os filhos, observemos o que diz o ART. 22 do Estatuto da Criança e do Adolescente, Lei 8.069/90. 

ART. 22. Aos pais incumbe o dever de sustento, guarda e EDUCAÇÃO dos filhos menores, cabendo-lhes ainda, no interesse destes, a obrigação de cumprir e fazer cumprir as determinações judiciais.

Parágrafo único. A mãe e o pai, ou os responsáveis, têm direitos iguais e deveres e responsabilidades compartilhados no cuidado e na EDUCAÇÃO da criança, devendo ser resguardado o direito de transmissão familiar de suas crenças e culturas, assegurados os direitos da criança estabelecidos nesta Lei. (Incluído pela Lei nº 13.257, de 2016)

Portanto caros amigos, pais, tutores e responsáveis, nada de achar que quem deve educar seus filhos é a escola, o papel da escola é passar conteúdo escolar. Valores, crenças, educação moral e respeito são deveres dos PAIS OU RESPONSÁVEIS.

Por Lucas Andrade
Conselheiro Tutelar


Cidade em Foco – Augusto Maia volta a sinalizar que quer independência do Legislativo

No âmbito das CPI's, Augusto afirmou que câmara irá levantar questões sobre o Calçadão Miguel Arraes de Alencar.
Foto: Paulo Henrique (Agreg Imagem)
O vereador Augusto Maia foi um dos entrevistados dessa semana no programa Cidade em Foco, da Rede Agreste de Rádios. O político que assumiu este ano a presidência da Câmara Municipal de Santa Cruz do Capibaribe, detalhou alguns pontos que devem refletir a sua forma de atuação.
Foto: Paulo Henrique (Agreg Imagem)
Augusto destacou o processo que o levou à presidência, mas deixou claro que esse acontecimento já se deu e os olhares devem agora focar nas ações que serão desempenhadas na câmara. O vereador por sua vez voltou a sustentar que irá abrir CPI's, a começar pelo Calçadão Miguel Arraes de Alencar.
Foto: Paulo Henrique (Agreg Imagem)
No cenário de investigações sobre possíveis irregularidades do Poder Executivo, Augusto detalhou que não enxerga a política como perseguição, mas como um instrumento para alcançar os anseios do povo. E que neste caso, a prefeitura será sim alvo de fiscalizações que na visão do mesmo são necessárias.
Foto: Paulo Henrique (Agreg Imagem)
Augusto Maia também destacou outros pontos que neste primeiro momento povoam o debate político na cidade. Dentre eles, o desenrolar das sessões que hoje contará com maioria de oposicionistas. As sessões na Casa Dr. José Vieira de Araújo serão retomadas no próximo dia 07 de fevereiro.

Confira na reprise:



Suspeito por tráfico de drogas é detido em Santa Cruz do Capibaribe

Foto: Ademilton Silva (Agreg Imagem)
Na noite da última quarta-feira (30), policiais do efetivo Rocam detiveram um indivíduo suspeito por tráfico de drogas na Avenida Biu de Deda, bairro São Jorge em Santa Cruz do Capibaribe. 

O efetivo recebeu informações do serviço de inteligência, que o indivíduo identificado como Henrique Raimundo de Souza (27 anos), mais conhecido por "Riquinho", suspeito de comercializar entorpecentes, estava no local citado em atitudes suspeitas. Diante dos fatos, a guarnição se deslocou rapidamente para o local e detiveram o suspeito. No momento da abordagem, nada de ilícito foi encontrado com o mesmo, porém ao ser indagado sobre a possível suspeita, o mesmo afirmou que teria uma quantidade de cocaína escondida em um terreno baldio do lado da sua residência. 
Foto: Ademilton Silva (Agreg Imagem)
Os policiais foram até o local e localizaram a droga e também uma balança de precisão. Diante dos fatos, ele foi conduzido juntamente com todo o material para a delegacia de polícia de Santa Cruz do Capibaribe, onde foram tomadas as medidas cabíveis.


Com quadro de depressão profunda, Diogo Moraes encontra-se internado em SP

Foto: Bruno Muniz (Agreg Imagem)
Nesta quinta-feira (31), o ex-deputado Oséas Moraes, pai do deputado Diogo Moraes (PSB), foi a primeira pessoa da família do parlamentar a deixar público o atual quadro de saúde do político.

Segundo informações do empresário, o filho enfrenta atualmente um quadro de depressão profunda e chegou a passar pela UTI de uma unidade hospitalar em São Paulo, mas já está se recuperando.

Ainda segundo o pai do deputado, não existe um prazo estimado para que o parlamentar deixe o hospital e retorne ao trabalho. Diogo Moraes deverá ficar, inclusive, de fora da posse que está marcada para o dia 01 de fevereiro, na Alepe.


Carnaval movimenta as vendas no Moda Center Santa Cruz

Comerciantes de todo o país renovam estoques de olho na folia e no verão.
Foto: Divulgação
A celebração do Carnaval no início de março está sendo comemorada no Moda Center Santa Cruz. Com a folia “mais tardia” no calendário deste ano, comerciantes da região e revendedores que se abastecem no maior centro atacadista de confecções do Brasil, localizado no Agreste pernambucano, terão, respectivamente, um tempo maior para comercializar e adquirir mercadorias.
“As lojas e boxes estão repletos de novidades no clima da folia momesca e para o verão. Moda praia, malharia masculina e feminina, além de shorts jeans são as peças mais procuradas neste período”, comentou Tales Nery Maia, subsíndico do Moda Center Santa Cruz.
A expectativa é que o incremento nas vendas chegue a 5% em relação ao mesmo período no ano passado, quando as festividades ocorreram nos primeiros dias de fevereiro. Este ano, outra diferença também conta, segundo o administrador: os clientes estão com expectativa positiva quanto à economia.

Para receber os compradores e visitantes, o parque preparou decoração com a temática “Folia do Pierrot”, com predominância das cores preto e branca, máscaras de pierrot e grandes máscaras coloridas de carnaval. Também haverá apresentações de orquestra de frevo nos dias e horários de maior movimento ao longo de fevereiro.

HORÁRIO - Devido aos festejos de Carnaval não haverá feira no Moda Center Santa Cruz nos dias 4 e 5 de março. O setor administrativo do empreendimento encerrará o expediente no fim da sexta (1°/3) e retomará as atividades a partir do meio-dia da Quarta-Feira de Cinzas (6/3). O funcionamento de todo o parque estará normalizado já na edição seguinte da feira, nos dias 11 e 12 de março, das 6h às 18h.

ESTRUTURA – Referência nacional no setor, o Moda Center Santa Cruz é o maior centro atacadista de confecções do Brasil. A ampla estrutura é composta por seis módulos, que ocupam uma área coberta de 120 mil metros quadrados construída num espaço de 32 hectares. O empreendimento reúne mais de 10 mil pontos comerciais, entre lojas e boxes, oferecendo um mix de produtos variados – com destaque para roupas e acessórios – comercializados especialmente no atacado.

Nas segundas e terças, quando ocorrem as feiras e todas as unidades de venda estão funcionando, o centro atacadista abre das 6h às 18h, sem intervalo para almoço. O parque disponibiliza seis praças de alimentação com restaurantes e lanchonetes, estacionamento gratuito para 6,5 mil veículos, rede própria de hotéis e dormitórios com mais de dois mil leitos, posto ambulatorial, caixas eletrônicos, banheiros, fraldários, carrinhos de compras, sistema de som e tv e circuito interno de segurança.


CDL e SENAI realizam II Seminário de Gestão para a indústria da confecção


Tem início hoje (31) e vai até sábado (02), a segunda edição do Seminário de Gestão para a indústria da confecção. O evento é promovido pela CDL e SENAI de Santa Cruz do Capibaribe e tem como objetivo capacitar empreendedores e colaboradores das empresas locais e da região para os desafios que o mercado exige.

A expectativa da organização do seminário é de capacitar 120 pessoas. Ainda restam algumas vagas e caso alguém tenha interesse, basta ligar para a CDL (81) 3731-2850 ou para o SENAI (81) 3759-3400 e fazer a sua inscrição. O Seminário conta com apoio da ASCAP e do Moda Center Santa Cruz.