.

Pai do senador Armando Monteiro morre em Recife

Governador de Pernambuco decretou luto oficial de três dias.
Foto: Divulgação
Na manhã desta terça-feira (02), faleceu na cidade do Recife, em Pernambuco, o empresário e ex-ministro Armando Monteiro Filho, pai do senador Armando Monteiro Neto (PTB). Segundo informações, a morte aconteceu por causas naturais, na própria residência em que o mesmo morava. Armando Monteiro Filho deixa cinco filhos e vários trabalhos prestados na política pernambucana, onde no ano de 1954 foi eleito deputado federal e também ministro da Agricultura no governo de João Goulart de setembro de 1961 a junho de 1962. Chegou a ser também candidato a governador de Pernambuco nas eleições de 1962, porém foi derrotado por Miguel Arraes (in memoria). 

O governador de Pernambuco, Paulo Câmara (PSB), se pronunciou sobre o falecimento, e decretou luto oficial de três dias.
"Dr. Armando foi um honrado pernambucano, um legítimo cavalheiro que sempre lutou, ao longo de toda a sua vida, pelas maiores causas do nosso Estado e do Brasil, como empresário e político. Dr. Armando teve uma postura firme, democrática e corajosa no enfrentamento a ditadura militar e foi uma referência para gerações. Quero prestar a minha homenagem pessoal a esse grande pernambucano e me solidarizar com seus parentes e amigos", disse em nota.
Comentários pelo Facebook
0 Comentários pelo Blog

Ao escrever seu comentário, certifique-se que o mesmo não possui palavras ofensivas (palavrões), calúnia e difamação contra ninguém, pois, caso haja, ele poderá ser banido por nossos moderadores, desejando manter a ordem e respeito a usuários e terceiros citados nas publicações.

Para mais informações consulte as nossas Políticas de Uso