.

Oposições debatem futuro de Pernambuco em ato marcado por articulações

Sem a presença dos principais nomes do PT, grupo levantou discurso contra o governador; Edson Vieira esteve presente e compôs bancada principal do evento.
Diversos nomes da Oposição em Pernambuco estiveram presentes – Foto: Ademilton Silva (Agreg Imagem)
Na noite desta segunda-feira (11) aconteceu no Arcádia Recepções, em Recife, Pernambuco, o evento "Pernambuco Quer Mudar", um encontro que contou com integrantes de legendas oposicionistas ao Governo de Pernambuco.
Ricardo Teobaldo e outros políticos apoiados na 'Capital da Moda' também se fizeram presentes no ato – Foto: Ademilton Silva (Agreg Imagem)
A nossa reportagem esteve no local acompanhando todos os detalhes e discursos do ato que contou com presenças como a do senador Armando Monteiro (PTB), do ex-ministro das Cidades Bruno Araújo (PSDB) e do atual ministro da Educação, Mendonça Filho.
Encontro reuniu milhares de pessoas entre políticos, militantes e simpatizantes – Foto: Ademilton Silva (Agreg Imagem)
Uma presença bastante repercutida no encontro foi a de Antônio Campos, irmão do ex-governador Eduardo Campos (PSB) e que hoje milita no PODEMOS, ex-PTN. Campos foi um dos que usou a tribuna e fez um discurso duro contra Câmara.
Com parte da bancada massiva do Agreste, evento contou com discursos endurecidos contra Câmara – Foto: Ademilton Silva (Agreg Imagem)
De acordo com a nossa correspondência, o dia foi de muitas articulações entre a classe política pernambucana. Nos discursos ficou evidente o direcionamento para as eleições do próximo ano e a insatisfação com a gestão do governador Paulo Câmara (PSB).
Senador Armando reforçou o discurso que vem lapidando há meses – Foto: Ademilton Silva (Agreg Imagem)
Diversos prefeitos, vereadores e deputados também participaram do ato. Nos bastidores a preferência por uma candidatura de Armando Monteiro ficou mais clara, principalmente entre gestores municipais. Alguns dos políticos presentes frisaram que chegando a Oposição unidade em 2018, dificilmente a mesma sairá derrotada nas urnas, excepcionalmente se o adversário for o atual governador.

Ausência esperada

Haviam especulações de que o PT por meio principalmente de Marília Arraes (antes entusiasta do nome de Armando para governador) participasse do evento, tendo em vista que foi um ato estreitamente dos opositores ao governo estadual. Porém, Marília e Humberto Costa não compareceram.

Presença notada
 Prefeito de Santa Cruz do Capibaribe também participou do ato – Foto: Ademilton Silva (Agreg Imagem)
Na bancada principal estiveram presentes alguns dos antigos aliados de Câmara, a exemplo do prefeito Edson Vieira (PSDB) que foi posto na segunda fileira atrás das principais autoridades presentes. Após o término do evento, o prefeito de Santa Cruz do Capibaribe foi uma das figuras mais assediadas pelos repórteres tendo em vista a sua recente relação com o socialista.

Comentários pelo Facebook
0 Comentários pelo Blog

Ao escrever seu comentário, certifique-se que o mesmo não possui palavras ofensivas (palavrões), calúnia e difamação contra ninguém, pois, caso haja, ele poderá ser banido por nossos moderadores, desejando manter a ordem e respeito a usuários e terceiros citados nas publicações.

Para mais informações consulte as nossas Políticas de Uso