.

Primeiro dia do FLIT da Escola Dinâmica trouxe apresentações de obras infantis de Chico e Vinícius

Foto: Assessoria de Comunicação
O Festival de Literatura da Escola Dinâmica - FLIT, que aconteceu na última semana, trouxe belíssimas apresentações das obras de Chico Buarque e Vinícius de Moraes. O primeiro dia foi dedicado as obras infantis e envolveu turmas da Educação Infantil e Ensino Fundamental I.

O evento teve início com a entrada de toda a equipe de professores, coordenadores e o diretor Joselito Pedro, que falou sobre a evolução do FLIT, deu boas vindas a todos e passou a palavra para a professora Maria Lisboa, responsável pelo projeto da edição 2017 do festival. Em seguida, foi executado o Hino Nacional. O cerimonial ficou por conta dos alunos John Kennedy e Débora Natália Luana, do terceiro ano do Ensino Médio.

A primeira apresentação ficou por conta da turma do 5º ano 'A', coordenado pela professora Jaqueline Moura, a turma abriu a sequência trazendo ao palco a obra Arca de Noé de Vinícius de Moraes, a letra que fala sobre vários bichos, faz alusão à história bíblica tão conhecida. O álbum, que era um sonho antigo do poeta, foi lançado postumamente, em outubro de 1980 (o poeta faleceu em julho do mesmo ano). Infelizmente, Vinícius não pôde acompanhar o sucesso de sua criação.
Foto: Assessoria de Comunicação
Ao abrir as cortinas o Maternal 'C' das professoras Carla Albuquerque e Mariana Camila encantou o público, a turma apresentou a obra, O pintinho. Os pais aproveitaram o momento para fotografar as crianças estavam uma fofura fantasiadas de pintinhos. Em seguida foi a vez do Maternal 'B' das professoras Janair Freitas e Valquíria trazerem sua apresentação sobre a obra Peru.

Ao correr dos ponteiros e ao som do tic tac, as professoras Rosiane Souza e Karina Rocha elaboraram uma linda apresentação com a turma do Maternal 'D', tendo como base 'O relógio', também obra de Vinícius de Moraes. 

Trazendo mais alegria e cor para o FLIT, as professoras Mariana Camila e Carlla Sousa encheram o palco do teatro com os lindos girassóis do Maternal. Durante a apresentação, professores distribuíram com o público os girassóis artificiais que foram produzidos para a apresentação.
Foto: Assessoria de Comunicação
Vinícius dizia que "As coisas devem ser bem grandes pra formiga pequenina", mas as formiguinhas do Jardim I 'A', das professoras Lília Neres e Priscila Botelho se fizeram grandes na apresentação.

O Jardim I 'B' das professoras Pollyanna Isabela e Bianca Barros agitou o público com a dança das abelhas. O capricho das fantasias e a letra de Vinícius complementaram a beleza da apresentação dos pequeninos alunos.
Foto: Assessoria de Comunicação
Entre tantos animais lembrados nas letras de Vinícius, não poderia faltar o rei dos animais, 'O leão'. A turma do 2º ano 'C' coordenada pela professora Daniela Feitosa caprichou nas fantasias para mostrar toda a realeza dos versos.

Com muito charme e simpatia, o Jardim II chegou para mostrar ao público 'A galinha de angola', mais uma criação do 'poetinha', como era conhecido o Vinícius.

"Era uma casa muito engraçada, não tinha teto não tinha nada. Ninguém podia entrar nela não, porque na casa não tinha chão", quem não lembra desses versos? A turma do 2º ano 'B' da professora Pollyanna Isabela, trouxe uma versão Rock'n Roll da obra 'A casa' para o festival.
Foto: Assessoria de Comunicação
'O pato' foi a obra escolhida para a apresentação da turma do Jardim II 'B' das professoras Iasmim Barbosa e Ranielly Santana. O festival prosseguiu com a apresentação da turma do 2º ano 'A' da professora Daniela Feitosa com a obra 'O ar', que logo foi procedido pela charmosa e encantadora apresentação da turma do 2º ano 'D' comandado pela professora Meryane Amaral, que apresentou 'O gato'.

O balé da Escola Dinâmica teve a missão de na primeira noite do FLIT apresentar uma obra de Chico Buarque de Holanda, uma composição interessante, delicada e ao mesmo tempo cômica. Orientadas pela professora Rayane Ramos, as meninas do balé encantaram o público presente com a sublime 'Ciranda da bailarina'.

Ainda em continuidade ao maravilhoso projeto da Arca de Noé, as alunas do 3 ano 'C' coordenado pela professora Suzy Greyck apresentaram toda leveza e encanto descrito por Vinícius na obra 'As borboletas'.

Com graciosidade e elegância uma turma de pinguins invadiu o palco e animou o público, era a turma do 4º ano 'A' que teve a coordenação da professora Simone Fabiana para apresentar 'O pinguim'.

O circo é sinônimo de alegria, tem palhaço, malabarista, bailarina. E no circo do poeta Vinícius de Moraes tem foca também, foca francesa, americana e brasileira. Foi com muita alegria e irreverência que o 3º ano 'A' da professora Itácya Leal apresentou 'A foca'.

Chegando na reta final do primeiro dia de apresentações, a turma do 4 ano 'B' com o apoio da professora Ana Paula Brito fizeram uma divertida apresentação sobre 'A porta'.

A penúltima apresentação ficou a cargo da turma do 3º ano 'B', que teve coordenação da professora Elisandra Mendes para representar a belíssima letra 'João e Maria', de Chico Buarque que tem melodia do notável Sivuca.

Para encerrar com chave de ouro a primeira noite, o público pode assistir a um belo musical infantil, inspirado em “Os músicos de Bremen”, dos Irmãos Grimm. A obra do músico e escritor Chico Buarque, em parceria com Sérgio Bardotti e Luís Enriquez Bacalov, valoriza o respeito e a solidariedade. Foi com toda essa riqueza cultural que a turma do 5º ano 'B', da professora Juliana Nascimento realizou o musical, 'Os saltimbancos'.

Conteúdo da Assessoria

Comentários pelo Facebook
0 Comentários pelo Blog

Ao escrever seu comentário, certifique-se que o mesmo não possui palavras ofensivas (palavrões), calúnia e difamação contra ninguém, pois, caso haja, ele poderá ser banido por nossos moderadores, desejando manter a ordem e respeito a usuários e terceiros citados nas publicações.

Para mais informações consulte as nossas Políticas de Uso