.

Família de criança com calazar necessita de ajuda

Residentes em distrito de Brejo da Madre de Deus, familiares do pequeno Carlinhos precisam principalmente de alimentos.

No último dia 19 de outubro o Blog do Bruno Muniz noticiou a história de Carlinhos, criança residente em São Domingos – distrito de Brejo da Madre de Deus – e que com apenas 4 anos foi diagnosticada com Calazar, doença que surge em áreas urbanas através de animais, excepcionalmente os que ficam soltos em ruas e avenidas, e atualmente ocupa a segunda posição entre as doenças parasitas que mais estão matando em todo o mundo, perdendo somente para a malária que continua sendo a mais mortal de todas – relembre o caso.

Um dos detalhes que preocupa os voluntários que acompanham o caso é que a família do menor é bastante carente e necessita de recursos para poder dar mais assistência a criança. Em situação de vulnerabilidade, a mãe encontra-se com um recém-nascido e também exige cuidados especiais já que também encontra-se com alguns problemas de saúde, não necessariamente graves.
Carlinhos, trajando camisa listrada na imagem, já recebeu alta médica, mas permanece em tratamento – Foto: Lúcia
Visando contribuir para o bem estar do menor com calazar, uma voluntária de Santa Cruz do Capibaribe está desenvolvendo um trabalho com a família, realizando o direcionamento de donativos e promovendo campanhas que visam ajudar na recuperação da criança.

Hoje a família necessita principalmente de alimentos, excepcionalmente os não perecíveis. A ideia neste momento é reforçar o sustento familiar tendo em vista que o pai de Carlinhos, que é servente de pedreiro, está sem trabalho pois tem se engajado em cuidar do filho enfermo.

Como ajudar

Os interessados em ajudar com donativos podem encaminhar os itens até a Rua Manoel Monteiro da Paixão – popularmente conhecida como 'Rua da Madeireira Pai e Filho – número 347, no bairro Malaquias Cardoso, em Santa Cruz do Capibaribe e falar 'Lúcia', responsável pela coleta das doações. Mais informações podem ser obtidas através do fone (81) 9 9297-4090.

Comentários pelo Facebook
0 Comentários pelo Blog

Ao escrever seu comentário, certifique-se que o mesmo não possui palavras ofensivas (palavrões), calúnia e difamação contra ninguém, pois, caso haja, ele poderá ser banido por nossos moderadores, desejando manter a ordem e respeito a usuários e terceiros citados nas publicações.

Para mais informações consulte as nossas Políticas de Uso