.

O dia do “fico” para o prefeito Edson Vieira


Após o 7 de Setembro, data que foi muito importante na História do Brasil, pois foi nesta data que o príncipe regente Dom Pedro proclamou a Independência do Brasil, o prefeito de Santa Cruz do Capibaribe, Edson Vieira (PSDB), obteve mais uma importante vitória jurídica, permitindo que o mesmo permaneça no cargo.

O prefeito enfrentava um processo, movido pelo então opositor Fernando Aragão (PTB), candidato derrotado em 2016. A ação tramitava já justiça desde o final de 2016, onde os políticos citados eram acusados de terem cometido supostas irregularidades durante a campanha eleitoral do mesmo ano. Na ocasião, Edson, Dida e Joab participaram de um evento promovido pelo Movimento dos Trabalhadores sem Teto (MTST). Foi neste evento que surgiu a argumentativa dos denunciantes para com as supostas irregularidades.

A decisão trouxe um alívio para o prefeito, que alimenta a esperança de concorrer a uma vaga de deputado federal em 2018. Por outro lado foi mais uma derrota do grupo 'Taboquinha', que perdeu nas urnas, mas alimentava a esperança de assumir o poder executivo municipal, por meio judicial. 

Após a decisão, o grupo de oposição deverá mudar sua postura política – esquecer a derrota de 2016 – e organizar o grupo para as eleições de 2018 e de 2020.

Por Marciel Aquino

Comentários pelo Facebook
0 Comentários pelo Blog

Ao escrever seu comentário, certifique-se que o mesmo não possui palavras ofensivas (palavrões), calúnia e difamação contra ninguém, pois, caso haja, ele poderá ser banido por nossos moderadores, desejando manter a ordem e respeito a usuários e terceiros citados nas publicações.

Para mais informações consulte as nossas Políticas de Uso