.

Em meio à crise, governos tiram do povo para beneficiar aliados


Não dá para compreender o por quê de o povo ir às ruas pedindo a saída da ex-presidente Dilma Rousseff (PT), por ter remanejado recursos dentro do próprio orçamento do governo, mas estão calados em ver a pesadas denúncias de corrupção de o atual governo Michel Temer (PMDB). O povo brasileiro assistiu o governo comprar escancaradamente deputados em troca de votos para escapar das investigações pelo STF.

Conforme levantamento da ONG Contas Abertas, o governo do peemedebista já empenhou em 2017, isto é, reservou 3,4 bilhões de reais a serem pagos em emendas aos deputados federais, aos quais coube decidir se a denúncia prosseguiria ao Supremo Tribunal Federal (STF) ou não – por 263 votos a 227, a acusação foi arquivada pela Câmara.

VEJA analisou os números e concluiu que, apenas entre junho – mês em que a acusação da PGR chegou à Câmara – e o dia 24 de julho, 3,1 bilhões de reais foram empenhados em emendas aos deputados. Entre janeiro e maio, o montante comprometido com este tipo de despesa havia sido de 327 milhões de reais. Ou seja, nos dois últimos meses, o governo destinou 869% mais dinheiro a emendas parlamentares que nos cinco primeiros meses do ano.

Se a nível federal o governo esbanja o dinheiro público em troca de apoio, aqui na “Terra das Confecções” não é diferente. Primeiro foi a aprovação do Auxílio Alimentação de R$ 1.200,00 para os 17 vereadores da Câmara Municipal de Santa Cruz do Capibaribe, o que causou revolta e protestos da população. E nem a polêmica do auxílio acabou, a população tomou conhecimento da aquisição de aparelhos celulares para os 17 vereadores, no valor de mais de 2 mil reais. 

Isso é revoltante, levando em conta que existe em torno de 15% da população brasileira que está desempregada ou uma grande parcela dos brasileiros que sobrevivem com um salário mínimo. 

Vemos nas pessoas um sentimento de revolta, más que não acredita mais nos políticos ou na justiça. Enquanto vemos muitos políticos e grandes empresários que roubaram, soltos e exercendo suas atividades, o povo paga a conta pelos erros dos maus governos.

Por Marciel Aquino

Comentários pelo Facebook
0 Comentários pelo Blog

Ao escrever seu comentário, certifique-se que o mesmo não possui palavras ofensivas (palavrões), calúnia e difamação contra ninguém, pois, caso haja, ele poderá ser banido por nossos moderadores, desejando manter a ordem e respeito a usuários e terceiros citados nas publicações.

Para mais informações consulte as nossas Políticas de Uso