.

Com mais de 5 mil votos de frentes, Hélio dos Terrenos é o novo prefeito de Belo Jardim

Vitória do petebista consolida o retorno do grupo ‘Galvão’ ao poder
Foto: Larissa Rodrigues (Blog do Magno)
No final da tarde deste domingo (02) a cidade de Belo Jardim, pode enfim, conhecer seu novo prefeito que ficará à frente do município pelos próximos três anos e 5 meses. A eleição suplementar, que ocorreu hoje, confirmou os resultados que as pesquisas eleitorais mostravam e fez de Hélio dos Terrenos (PTB) eleito novo gestor. Com uma diferença de 5.184 votos, o petebista foi eleito. 

Belo Jardim vivenciou uma batalha jurídica do ex-prefeito João Mendonça, que culminou em sua cassação. O ex-prefeito, portanto, apoiou o seu vice-prefeito, Luiz Carlos (PSB) que obteve 13.800 votos. Já o vereador e atual prefeito interino, Gilvandro Estrela (PV) obteve 8.442 votos, ficando em 3° colocado. Eleito o novo prefeito do município, Hélio dos Terrenos (PTB) conseguiu 18.984.
Foto: Larissa Rodrigues (Blog do Magno)
Com 100% das urnas apuradas, o petebista já está nas ruas comemorando junto ao senador Armando Monteiro (PTB), o deputado estadual Sílvio Costa Filho (PRB) e o deputado federal Sílvio Costa (PTB).

O Retorno - A vitória de Hélio dos Terrenos, representa o retorno do grupo ‘Galvão’, família tradicional do município e que estava fora do poder há 21 anos. A última vitória do grupo teria sido nas eleições de 1996, quando Cecílio Galvão foi eleito prefeito.
Foto: Rede Social do senador Armando Monteiro
Em 2000, João Mendonça foi eleito prefeito vencendo os candidatos Dr. Silvano e Professor Adilson. Já em 2004 João Mendonça também foi o vitorioso derrotando Cintra Galvão por uma diferença de 312 votos.

Em 2008, Cintra Galvão foi candidato e não obteve êxito. Em 2012 e 2016, João Mendonça foi eleito e reeleito prefeito, sendo posteriormente cassado.


Comentários pelo Facebook
0 Comentários pelo Blog

Ao escrever seu comentário, certifique-se que o mesmo não possui palavras ofensivas (palavrões), calúnia e difamação contra ninguém, pois, caso haja, ele poderá ser banido por nossos moderadores, desejando manter a ordem e respeito a usuários e terceiros citados nas publicações.

Para mais informações consulte as nossas Políticas de Uso