.

Luciano Bivar poderá ‘herdar’ vaga de Kaio Maniçoba na Câmara Federal

Acordo estaria sendo 'costurado' por Paulo Câmara
Foto: Divulgação
O empresário e suplente de deputado federal Luciano Bivar (PSL) está prestes a assumir o mandato para a Câmara Federal. Isso porque o governador de Pernambuco, Paulo Câmara (PSB), costura um acordo com o também deputado federal Kaio Maniçoba (PMDB) para que ele possa assumir a Secretaria Estadual de Habitação.

De acordo com informações vindas do Palácio do Campos das Princesas, a vaga para a pasta será mesmo do deputado, que deverá assumir o lugar de Bruno Lisboa. A assessoria do deputado já dá como certa a escolha, porém o governador ainda tenta despistar as informações.

Com a saída de Kaio Maniçoba da Câmara Federal, o empresário e suplente Luciano Bivar, que foi apoiado pelo grupo Taboquinha em Santa Cruz do Capibaribe, e que foram liderados por sete vereadores, dentre eles Ernesto Maia (PT) que foi candidato a deputado estadual em 2014 apoiando o suplente.
Foto: Grupo de vereadores de Santa Cruz do Capibaribe teriam apoiado Bivar em 2014
Com essa decisão, o governador Paulo Câmara passa a observar o apoio do partido de Bivar para 2018, tendo em vista que o filho de Luciano Bivar, Sérgio Bivar (PSL), teria disputado a prefeitura do Recife em 2016 contra os interesses do Palácio.

Por telefone, Luciano Bivar disse que teria uma conversa com o governador ainda ontem à noite, mas afirmou que não houve nenhuma reunião entre os dois nos últimos dias. Questionado sobre como se posicionaria em relação à denúncia da Procuradoria Geral da República (PGR) contra o presidente Michel Temer (PMDB), caso assuma o mandato, ele evitou se colocar.
"No momento em que se confirmar a posse de Kaio como secretário e eu me tornar deputado, vou conversar com o partido e tomamos uma posição imediatamente".
O presidente nacional do PSL, Antônio Rueda, negou que a sigla possa integrar a base do governo.
"O partido não compõe base de poder e não ocupa cargos no Executivo de forma que somos independentes", afirmou.
Interlocutores do governador afirmaram, em reserva, que o aceno para o PSL vem se desenhando há algum tempo e que o governador teria jogado com a vaidade de Bivar. Segundo um aliado de Paulo Câmara, o empresário não esconde de ninguém o desejo de retornar à Câmara (foi deputado federal entre 1999 e 2002, sendo derrotado em eleições seguintes).

A demora em oficializar Kaio Maniçoba na secretaria de Habitação é porque o governador só quer fazer o anúncio após encontrar uma solução para Bruno Lisboa, considerado um dos braços direitos do vice-governador Raul Henry (PMDB). Estuda-se que ele pode ser mantido como presidente da Companhia Estadual de Habitação (Cehab), ligada à secretaria, ou ganhar uma tarefa mais diretamente ligada ao próprio governador.


Comentários pelo Facebook
0 Comentários pelo Blog

Ao escrever seu comentário, certifique-se que o mesmo não possui palavras ofensivas (palavrões), calúnia e difamação contra ninguém, pois, caso haja, ele poderá ser banido por nossos moderadores, desejando manter a ordem e respeito a usuários e terceiros citados nas publicações.

Para mais informações consulte as nossas Políticas de Uso