.

Sargento Junior acredita que apreensão de arma desencadeou rebelião em Santa Cruz do Capibaribe

Secretário de Defesa Social de Santa Cruz do Capibaribe concedeu entrevista ao blog – Foto: Eliton Araújo (Agreg Imagem)
Santa Cruz do Capibaribe – O Secretário Executivo de Defesa Social, Sargento Júnior, revelou em entrevista a nossa equipe de reportagem que a rebelião na unidade da Capital da Moda teve início após a prisão de uma arma branca (faca) dentro de umas das celas.

Júnior revelou que durante a apreensão, houve o princípio do tumulto e alguns detentos teriam tentado retomar a faca de volta, sendo que alguns dos presos ajudaram o agente penitenciário a permanecer com o armamento artesanal.
“As informações que obtivemos foram essas e que devido a essa situação, a rebelião foi iniciada”, resumiu.


Comentários pelo Facebook
0 Comentários pelo Blog

Ao escrever seu comentário, certifique-se que o mesmo não possui palavras ofensivas (palavrões), calúnia e difamação contra ninguém, pois, caso haja, ele poderá ser banido por nossos moderadores, desejando manter a ordem e respeito a usuários e terceiros citados nas publicações.

Para mais informações consulte as nossas Políticas de Uso