.

Entrevista – “Irei saber cobrar de forma a não denegrir e nem criticar a honra do prefeito, igual faz a oposição”, declara Irmão Val

Vereador situacionista é o segundo entrevistado de série do blog
Foto: Eliton Araújo (Agreg Imagem)
Em entrevista concedida ao Blog do Bruno Muniz, o vereador Irmão Val (SD) destacou empenhos que deverão guiar o seu mandato na Câmara de Vereadores Dr. José Vieira de Araújo e comentou a possibilidade de ampliar a realização de eventos voltados para o público evangélico.

No início da entrevista, o parlamentar destacou os primeiros 13 dias de trabalhos que vem executando como vereador à frente do município, e deixou claro como será a sua postura de vereador situacionista, chegando a dizer que a oposição não sabia cobrar de forma correta.
“Estamos a trabalho desde 02 de janeiro, quando chegamos ao gabinete e, durante esse tempo, posso dizer que tem sido de muito aprendizado, pois aqui já tenho recebido demandas da população e até alguns populares já se dirigiram aqui em nosso gabinete, com o intuito de nos cobrar para que algumas ações sejam efetivadas”, frisou.
Primeiros projetos – O vereador destacou que, mesmo em início de trabalho, alguns projetos já tem sido levados ao conhecimento de alguns vereadores, que após formada as comissões, irão analisar e dar celeridade nas obrigatoriedade que são exigidas para os mesmos.
“Dentre alguns requerimentos destaco um deles que, por ser um praticante de exercícios físicos sei da necessidade. Protocolei um projeto que solicita ao poder público o fechamento da Avenida 29 de dezembro de segunda a sexta-feira das 4h30 até às 6h da manhã, com trâmites igual ao Cidade Lazer, para que as pessoas que caminham pela manhã possam usufruir daquele espaço sem correr riscos de trânsito”, explicou.
Ainda em tempo, o vereador citou mais dois projetos que considera importantes e que devem ser explorados pelo público evangélico que é a criação de um espaço denominado de ‘Praça da Bíblia’, com o incentivo de realização de cultos e eventos que sejam destinados para a realização de eventos do segmento.
“Nós temos um monumento bíblico que não agrega e não permite a realização desses eventos, que são grandiosos devido ao crescimento que o público evangélico tem tomado a cidade. Com a criação dessa Praça da Bíblia, iremos ter mais espaço e local apropriado para louvar a Deus”, pontuou.
Foto: Eliton Araújo (Agreg Imagem)
Criação de um canil – O parlamentar destaca que protocolou um requerimento no qual exige a criação, através da prefeitura, de um canil público, com o intuito de recolher animais da rua e realizar a castração dos mesmos, sendo colocados em seguida à disposição para adoção, com os interessados sendo respectivos responsáveis pelos animais com a assinatura de um termo de comprometimento.

Jovem Oportunidade – Uma das ideias do vereador, é fazer com que o município possa adotar um programa chama de ‘Jovem Oportunidade’, visando dar uma maior acessibilidade de jovens em risco, ou envolvidos com as drogas, para que possam ser retirados da posição e reinseridos na sociedade de forma eficaz.

Dia Gospel – Outra idealização do vereador é a instituição do ‘Dia Gospel’, que define uma data para a realização de eventos religiosos durante o período junino. Vale destacar que esse dia já existe, porém não é instituído em Lei no município. O projeto do vereador visa, justamente, decretar esse dia especifico.

Identificação em servidores públicos – O vereador pretende ainda conseguir a aprovação de um outro requerimento no qual exige a identificação em todos os servidores públicos municipais, em todos os departamentos com o objetivo de, em casos de abuso de autoridade, que a população possa identificar e denunciar os atos cometidos pelo servidor, deixando assim, a prefeitura com mais força para uma possível punição.

Louva Santa Cruz 2017

Sendo um dos que mais tem atuado no frente do Louva Santa Cruz, inclusive como apresentador do evento, Irmão Val destaca que, com a função de parlamentar, buscará esforços maior diante da prefeitura para uma expansão do projeto, criado em 2012 quando Edson Vieira, (PSDB) prefeito eleito em primeiro mandato na época, resolveu idealizar o evento com o intuito de agradecer a Deus por sua vitória.
“Foi através de um momento histórico, quando Edson ganhou a eleição e realizou um culto de ação de graça por sua vitória. Ali nasceram nos corações de Ronaldo Pacas (PR), Narah Leandro (PSB) e Luciano Bezerra (REDE) a idealização de instituir o Louva Santa Cruz. O que posso fazer, como vereador é, que haja um incentivo maior do poder público para expandir com a realização de oficinas, e outras atividades que venham atrair o público não só evangélico, mas todos os santa-cruzenses”, frisou.
Presidência da Câmara – Irmão Val, aliado da Mesa Diretora do biênio 2017/2018, avaliou de forma positiva a eleição de Zé Minhoca para o posto, e citou o porquê de não ter se mostrado interessado na disputa.
“Eu imagino o seguinte, assumir meu lugar agora, e entendo ser um neófito, pois estamos em processo de aprendizado e devemos nos preparar mais, quem sabe em outras disputas eu tenha vontade, mas entendo que a eleição foi tranquila, o nosso grupo votou de forma unânime e parte da oposição nos acompanhou, isso mostra a competência de Zé Minhoca, e a nossa oportunidade será em outro momento”, pontua Irmão Val.
Postura na Tribuna – Encerrado a entrevista, o vereador mandou um recado para a população e afirmou que irá, quando necessário, saber criticar a gestão em alguma eventual falha, porém alfinetou a oposição e afirmou que eles não sabem criticar de forma a contribuir com o município.
“Obtive 1.091 votos, e devo honrar essas pessoas que votaram e mim, que acreditaram e dizer que, quando for necessário cobrar a gestão, nós iremos fazer, não igual a oposição que busca cobrar criticando, difamando e denegrindo a honra do prefeito, fui eleito pelo povo e é para eles que irei trabalhar”, finalizou. 

Comentários pelo Facebook
0 Comentários pelo Blog

Ao escrever seu comentário, certifique-se que o mesmo não possui palavras ofensivas (palavrões), calúnia e difamação contra ninguém, pois, caso haja, ele poderá ser banido por nossos moderadores, desejando manter a ordem e respeito a usuários e terceiros citados nas publicações.

Para mais informações consulte as nossas Políticas de Uso