.

Ministros pernambucanos são exonerados e devem reforçar votação da polêmica PEC 241

Bruno Araújo - Foto: Bruno Muniz (Arquivo do blog)
Em decretos publicados no Diário Oficial da União (DOU) nesta segunda-feira (10), o presidente Michel Temer (PMDB) exonerou os ministro das Cidades, Bruno Araújo, e o mistro de Minas e Energia, Fernando Coelho Filho (PSB). O motivo das exonerações não foi amplamente informado, todavia a expectativa é que Bruno e Fernando reforcem a votação da Proposta de Emenda à Constituição 241, aprovando-a.

A estabilidade da dívida pública por meio da PEC visa ainda ajustar a política fiscal e, segundo Temer, dar fôlego a economia brasileira. A PEC o principal destaque para a sessão desta segunda-feira, onde irá à votação da matéria em primeiro turno na Câmara Federal. Esta etapa em questão deve ser concluída ainda no dia de hoje.

A PEC também enfrenta resistências na Casa, o que levou Temer a tomar algumas posições de prevenção, como por exemplo um jantar realizado pelo presidente no Palácio da Alvorada e que contou com aproximadamente 215 deputados. Informações dão conta que o jantar foi para tratar especificamente do assunto. A votação da proposta deverá ocorrer ainda este mais, com previsão para os dias 24 ou 25.

Comentários pelo Facebook
0 Comentários pelo Blog

Ao escrever seu comentário, certifique-se que o mesmo não possui palavras ofensivas (palavrões), calúnia e difamação contra ninguém, pois, caso haja, ele poderá ser banido por nossos moderadores, desejando manter a ordem e respeito a usuários e terceiros citados nas publicações.

Cordialmente: Equipe Blog do Bruno Muniz (Para mais informações consulte as nossas Políticas de Uso).