.

Grupo de comerciantes da Bahia sofrem tentativa de assalto em rodovia do Agreste

Criminosos dispararam contra ônibus e em seguida balearam dois seguranças
Fotos: Kelver Alves
Na noite do último domingo (16) um ônibus que fazia o seu percurso semanal da Bahia com destino aos municípios de Toritama e Santa Cruz do Capibaribe foi alvo de assaltantes fortemente armados em um dos trechos da BR-104, no Agreste de Pernambuco.

Segundo informações, o automóvel que transportava comerciantes do município baiano de Irecê teria sido interceptado por criminosos que já iniciaram a abordagem atirando contra a dianteira do ônibus. Apesar de acertarem o automóvel o motorista não parou e aumentou a velocidade.
Na manhã desta segunda-feira (17/10) o veículo ainda permanecia no local do ocorrido
Um dos disparos perfurou o tanque de combustível do ônibus que segundos após o ocorrido acabou caindo em uma ribanceira. O motorista alegou que perdeu o controle durante a fuga dos criminosos que ainda trocavam tiros com seguranças que faziam a escolta do transporte de sulanqueiros.

Na troca de tiros entre seguranças e criminosos os agentes levaram a pior. As informações apuradas pelo blog dão conta que as vítimas que realizam a escolta do ônibus foram atingidas com dois disparos, sendo um na perna e outro de raspão no crânio. Ambos foram levados para uma unidade hospitalar em Toritama e não correm risco de morte.

O assalto não foi concretizado, da mesma maneira que nenhum dos passageiros do ônibus se feriu. A polícia está investigando o caso e intensificando as ações de combate aos assaltos contra sulanqueiros na rodovia. Até o fechamento da reportagem não haviam relatos de prisões.

Comentários pelo Facebook
0 Comentários pelo Blog

Ao escrever seu comentário, certifique-se que o mesmo não possui palavras ofensivas (palavrões), calúnia e difamação contra ninguém, pois, caso haja, ele poderá ser banido por nossos moderadores, desejando manter a ordem e respeito a usuários e terceiros citados nas publicações.

Cordialmente: Equipe Blog do Bruno Muniz (Para mais informações consulte as nossas Políticas de Uso).