.

Proprietário de bar em Santa Cruz do Capibaribe se defende de denúncias de moradores

Essa semana o empresário Elifas esteve em contato com o blog explanando a sua defesa em relação a uma matéria publicada após denúncias de moradores do Bairro Novo. Na ocasião o empresário afirma que o estabelecimento funcionaria dentro do horário permitido por Lei e que, segundo ele, o som é controlado diariamente. O comerciante ainda negou que houvesse consumo de drogas no local como relataram alguns moradores.
"O pessoal fala que o som vai até altas horas, a 'altas horas' que o som vai aqui é só o permitido pela Lei, no caso finais de semana até 2h e no meio de semana até 1h. O som, até um decibelímetro eu arrumei para não ultrapassar os 80 decibéis que são permitidos. Antes de começar a música a gente vai, mede lá na rua e quando chegou nos 80 a gente para aquele som", disse.
O comerciante ainda negou que houvesse consumo de drogas no local como relataram alguns moradores.
"Dizem que aqui virou ponto de uso de drogas, eu não vejo nada disso. De vez em quando a polícia chega aqui, revista o pessoal, nunca deu nada. Disseram também que ficam carros de som ligados na rua, não ficam nada, até porque o estabelecimento é aqui dentro, nem mesas do lado de fora eu coloco já para não ter esse tipo de movimentação", relatou.
O empresário ainda encerrou dizendo que não se sente culpado pelo acontece na parte externa do bar, alegando que isso não seria de sua responsabilidade. O mesmo também disse que já procurou moradores para conversar sobre a situação.
Comentários pelo Facebook
0 Comentários pelo Blog

Ao escrever seu comentário, certifique-se que o mesmo não possui palavras ofensivas (palavrões), calúnia e difamação contra ninguém, pois, caso haja, ele poderá ser banido por nossos moderadores, desejando manter a ordem e respeito a usuários e terceiros citados nas publicações.

Cordialmente: Equipe Blog do Bruno Muniz (Para mais informações consulte as nossas Políticas de Uso).