.

Popular se intimida com presença de policial e pula de veículo em movimento, em Brejo da Madre de Deus

Na mochila do jovem havia cerca de 1 kg de maconha. O mesmo foi preso.
Foto: Polícia Civil (Divulgação)
Na manhã da última segunda-feira (01), um policial lotado na Delegacia de Brejo da Madre de Deus realizou a apreensão de 1 quilo de maconha que estava no interior de um automóvel modelo Toyota, este que seguia com destino à Brejo da Madre de Deus, município do Agreste pernambucano.

Segundo informações, o policial teria pego o Toyota como passageiro, onde desembarcaria na cidade citada, mas, no meio do caminho acabou notando que um outro passageiro presente no interior do veículo estava bastante nervoso desde que teria notado que o mesmo era um agente de segurança pública.

Ao ser indagado sobre o conteúdo de sua mochila, pelo policial, o jovem se aproveitou de uma redução de velocidade do veículo e saltou do mesmo, fugindo em seguida. Ao revistar a mochila foi então que o policial constatou a presença da grande quantidade de entorpecente que seria comercializado em Brejo.
Droga que seria comercializada em Brejo da Madre de Deus será incinerada
Para má sorte do suposto traficante, o policial o reconheceu como sendo o autor de alguns assaltos na região, fato que já teria levado o mesmo à Depol por algumas vezes. Ao fazer um levantamento no sistema de arquivos da polícia, o policial agora munido de informações e reforço se deslocou direto até a residência do suspeito, no bairro Balança, também em Brejo da Madre de Deus.

Ao chegarem até a residência, o policiamento se deparou com Alyson Caíque dos Santos Silva (19 anos), mesmo jovem que estava no interior do veículo de transporte de passageiros com a mochila cheia de material ilícito. Diante dos fatos, Alyson recebeu voz de prisão e foi encaminhado para delegacia, onde prestou esclarecimentos e segue à disposição da justiça.

Comentários pelo Facebook
0 Comentários pelo Blog

Ao escrever seu comentário, certifique-se que o mesmo não possui palavras ofensivas (palavrões), calúnia e difamação contra ninguém, pois, caso haja, ele poderá ser banido por nossos moderadores, desejando manter a ordem e respeito a usuários e terceiros citados nas publicações.

Cordialmente: Equipe Blog do Bruno Muniz (Para mais informações consulte as nossas Políticas de Uso).