.

Desencontros no palanque taboquinha


Uma humorada narração, da atual oposição em Santa Cruz do Capibaribe.

José que não queria apoiar Fernando, que não queria um Maia como vice. Galego que queria ser vice, que depois desistiu porque foi queimado por José, que por sua vez queria seu filho na vice. Galego por não ser vice, queria prioridades na disputa para vereador, mas quem recebeu privilégios foi o filho de José, saindo sozinho na chapinha.

Dimas que apoia Natálio, mas que está de mal com José, que se dá bem com Natálio, mas não quer negócio com Dimas. Dimas que vai apoiar Fernando em troca de um palanque para falar mal de Edson e para atender ao pedido de Eduardo da Fonte, porém não subirá no mesmo palanque com José.

Vânio que não quer saber de José e que rompeu com Dimas e Da Fonte, irá também fazer uma campanha de vingança contra Edson. Está com Fernando, porém não é bem visto pelo eleitorado taboquinha.

Ainda tem Agnaldo Xavier, que é cunhado do prefeito e foi para o PHS que foi para a oposição. Mas o PHS voltou para os braços de Edson, deixando Agnaldo na oposição, mas sem condições de disputar.

Até parece uma novela mexicana, mas politicamente Fernando terá que administrar essa situação. Caso contrário o que parece difícil, pode se tornar trágico.

Por Marciel Aquino

Comentários pelo Facebook
0 Comentários pelo Blog

Ao escrever seu comentário, certifique-se que o mesmo não possui palavras ofensivas (palavrões), calúnia e difamação contra ninguém, pois, caso haja, ele poderá ser banido por nossos moderadores, desejando manter a ordem e respeito a usuários e terceiros citados nas publicações.

Cordialmente: Equipe Blog do Bruno Muniz (Para mais informações consulte as nossas Políticas de Uso).