.

Alunos da Escola Dinâmica participaram de Júri simulado

Fotos: Assessoria de Comunicação
Com o intuito de provocar o senso crítico dos alunos, nos dias 16 e 23 do corrente mês, o professor de Literatura, Anderson Guerra, promoveu com a turma do 9º ano A, a realização de um júri simulado.

A simulação de julgamento teve como “ré” as Olimpíadas, sob a acusação de ser algo que deixará uma herança ruim para o Brasil. Durante o “julgamento” foram ouvidas testemunhas de defesa e acusação, que auxiliaram na exposição de argumentos para um “júri” formado pelos próprios alunos que ficaram responsáveis pelo “veredito”.


A realização do projeto foi importante para desenvolver nos discentes a criticidade, como afirma o professor responsável pelo projeto, Anderson Guerra: 
“Foi um momento muito bacana para levar os alunos à reflexão sobre o sentido das Olimpíadas, não apenas como uma coletânea de esportes, mas como um evento que influencia toda uma nação, movimentando a economia e levando avanços para a cidade-sede”.

O jovem Igor Lisboa, que tem formação em Direito, atuou como “juiz”. Sua ampla experiência por participar dos júris no município, foi muito importante para o excelente desenvolvimento da atividade, como ressalta o aluno José Fernando, que participou como um dos defensores da Olimpíada:
“A experiência do Igor Lisboa, nos fez ter real conhecimento de como realmente acontece um júri. As dicas repassadas pelo mesmo foram muito importantes”. A respeito do projeto o aluno ainda complementou: “Gostei muito da atividade, me auxiliou a realizar um trabalho em equipe muito legal e sem falar que desenvolvi também a oratória, uma vez que tivemos que nos comunicar”.
A dedicação dos professores, o envolvimento dos alunos e o apoio da equipe gestora e da coordenação da escola, foram primordiais na realização do projeto.

Informações da Assessoria

Comentários pelo Facebook
0 Comentários pelo Blog

Ao escrever seu comentário, certifique-se que o mesmo não possui palavras ofensivas (palavrões), calúnia e difamação contra ninguém, pois, caso haja, ele poderá ser banido por nossos moderadores, desejando manter a ordem e respeito a usuários e terceiros citados nas publicações.

Cordialmente: Equipe Blog do Bruno Muniz (Para mais informações consulte as nossas Políticas de Uso).