.

Rebelião em presídio de Caruaru termina com seis mortos, diz IML

Fotos: Divulgação
Terminou no início da madrugada deste domingo (24), a rebelião na Penitenciária Juiz Plácido de Souza, em Caruaru, no Agreste de Pernambuco. Foram quase 10 horas de rebelião que gerou vários pavilhões queimados, diversos feridos e seis mortos, segundo o Instituto de Medicina Legal (IML) de Caruaru.

O anúncio do IML foi feito na manhã deste domingo, por meio de nota. Haviam rumores de fugitivos, porém representantes do presídio alegaram que os vídeos mostrando fuga que foram divulgados não eram da unidade de Caruaru.
Grupo de policiais se articulavam para invadir o presídio
Ainda na manhã de hoje foi realizada uma contagem de presos no local, segundo informações da administração da penitenciária, todos estariam colaborando para a contagem. Pelo menos onze pessoas precisaram sair da unidade para receber atendimento médico, quatro delas já teriam retornado.
Informações dão conta de quatros feridos graves
A polícia informou que o motivo da rebelião seria por divergência entre detentos, porém em vídeos os presidiários alegam que estariam sofrendo maus tratos por parte de agentes penitenciários, denúncia esta que deverá ser apurada por uma Comissão de Direitos Humanos.

Comentários pelo Facebook
0 Comentários pelo Blog

Ao escrever seu comentário, certifique-se que o mesmo não possui palavras ofensivas (palavrões), calúnia e difamação contra ninguém, pois, caso haja, ele poderá ser banido por nossos moderadores, desejando manter a ordem e respeito a usuários e terceiros citados nas publicações.

Cordialmente: Equipe Blog do Bruno Muniz (Para mais informações consulte as nossas Políticas de Uso).