.

Com capacidade para 186, presídio de Stª Cruz do Capibaribe já conta com mais de 300 e receberá transferidos de Caruaru

Internos já reclamam da superlotação
Foto: Paulo Henrique (Arquivo do blog)
Recentemente a unidade prisional de Santa Cruz do Capibaribe completou um ano de funcionamento, tendo sido inaugurada em meados de abril do ano passado. Nesse meio período, dezenas de detentos já passaram pelo popular Mini-presídio da 'Capital da Moda'.

A capacidade da unidade seria para até 186 internos, porém o número que o mesmo abriga hoje é bem maior que isso, cerca de 330, segundo informações colhidas recentemente.

Apesar da superlotação, uma das reclamações dos presidiários, o número deverá subir ainda mais no decorrer dos próximos dias, isso porque detentos que participaram da rebelião na Penitenciária Juiz Plácido de Souza, em Caruaru, serão transferidos.

De acordo com informações, pelo menos 10 transferências já teriam sido confirmadas pela Secretaria Executiva de Ressocialização de Pernambuco (Seres-PE), número este que pode ser ainda maior, pelo menos é o que relatam integrantes de entidades religiosas e sociais que realizam trabalhos pastorais e de aconselhamento na unidade.

Na época de sua inauguração, o governador Paulo Câmara (PSB) afirmou que o 'mini-presídio' passaria por uma fase de testes. O prédio foi alvo de críticas de diversos setores que definiram a estrutura da unidade prisional local como inapropriada.


Comentários pelo Facebook
0 Comentários pelo Blog

Ao escrever seu comentário, certifique-se que o mesmo não possui palavras ofensivas (palavrões), calúnia e difamação contra ninguém, pois, caso haja, ele poderá ser banido por nossos moderadores, desejando manter a ordem e respeito a usuários e terceiros citados nas publicações.

Cordialmente: Equipe Blog do Bruno Muniz (Para mais informações consulte as nossas Políticas de Uso).